Home / Produtos / Ração Para Aves: Qual a Melhor?

Ração Para Aves: Qual a Melhor?

Quem está acostumada com a criação de animais de estimação, seja os mais comuns, como cães ou gatos, ou outros mais diferentes, como equinos e aves, sabe a importância que uma boa alimentação na vida destes indivíduos. A comida não é apenas uma questão de saciar a fome desses bichos, mas também de mantê-los saudáveis, produtivos – no caso das aves, por exemplo – e estender seus anos de vida. 

Como já dito aqui anteriormente, neste quesito, eles são bem parecidos com os seres humanos. Quanto melhor e mais balanceada for a sua alimentação, melhor será seu estilo de vida e sua expectativa de vida, seu bem-estar. Então o momento de escolher a melhor ração para o pet é de extrema importância. Hoje falaremos como optar pela refeição mais adequada para aves, em especial, os pássaros. 

Ração para pintinhos
Ração para pintinhos

Qual a melhor ração para pássaros?  

Com tantas opções no mercado, com certeza fica difícil saber qual delas é a mais adequada para a criatura. Mas uma dica muito importante de como você pode fazer essa escolha com mais prioridade é sabendo as necessidades do seu pássaro, e você só saberá disso indo até um veterinário. Isso porque cada espécie e cada raça terá uma carência específica. No caso de aves doentes, por exemplo, ela precisaria de um reforço nutricional

Mas, de forma geral, o tipo mais recomendado são os alimentos extrusados especialmente para esse animal, que já tem na sua composição a quantidade ideal de nutrientes, além de exibir tamanho e textura mais adequada. 

Ainda é possível achar algumas opções vegetarianas e mistura de sementes – com esta não sendo tão recomendada -. Esta última é para ser comprada entre a transição do mix para os extrusados.

Existe ainda as específicas para cada raça, como calopsita, arara, sabiá, periquito, papagaio, etc. Mas claro, tudo deve ser conversado com um profissional antes. Abaixo, falaremos mais dos dois tipos de comida citados acima. 

Alimentos extrusados 

Apesar do nome mais difícil, o extrusado nada mais é que ração. Diversos ingredientes selecionados esterilizados e moídos, com os nutrientes necessários para cada espécime de ave. Um fato interessante sobre essa refeição é que todos os grãos têm o mesmo valor nutricional, isso não dá ao animal a chance dele selecionar o alimento, coisa que pode acontecer no mix. Ele terá, assim, uma dieta mais equilibrada. Ela também é confeccionada com textura e tamanho proporcional a criatura. Outra qualidade desta opção é que você evita desperdício e sujeira na gaiola do indivíduo, então já é um ponto a favor. 

Ração para galinhas
Ração para galinhas

Mix de sementes e porque não são uma boa opção

Se você já teve alguma ave antes ou cresceu numa casa com eles, com certeza já viu o famoso mix de sementes usado para alimentar esses seres. Essa mistura é composta de alpiste, painço, aveia, semente de girassol, entre outros. Olhando assim, até parece uma boa escolha, já que é uma oferta de alimento bem variada, mas não é bem essa a realidade. 

Apesar de ser a opção mais comum entre aviários, ela não é adequada por diversos motivos, e um deles é justamente o valor nutricional. Essa refeição não apresenta as vitaminas, proteínas e minerais que cada espécie precisa consumir. Além disso, algumas delas são muito gordurosas, como a de girassol, responsável por deixar a maioria dos animais obesos, além de provocar outros problemas de saúde. 

Outro contra desse comida, como já citado, é que ela permite que a ave selecione o que quer comer ou não, e por causa disso o bicho pode consumir os itens mais gorduroso e com baixos valores nutricionais, fazendo com que a dieta seja pobre e desequilibrada, o que com certeza não é uma boa notícia para o seu pet. 

A melhor opção mesmo é a ração, de preferência a específica para o seu pássaro.

Quantidade e frequência de comida 

Agora que você já sabe qual comida escolher no petshop, precisamos ressaltar outro ponto muito importante na alimentação dos pássaros: a quantidade e a frequência que eles devem comer, diariamente. Isso deve ser levada em consideração pois os fatores vão variar não só de espécie para espécie, como de animal para animal. Pode ser que o sabiá que você tinha na infância comia mais que este de agora. Duas situações que podem interferir nisto é o fato do bicho estar doente ou em fase de reprodução, por exemplo, sendo assim, ele precisará de alguns reforços na sua dieta. O mesmo vale para os obesos, que precisará passar por um “regime”, para o seu próprio bem, é claro. 

Quanto a quantidade, o melhor é deixar um certo volume no comedouro, já que eles comem de pouco em pouco. O peso exato deve ser visto com o veterinário. Mas lembre-se de deixar a vasilha sempre em um local fresco e protegido do sol e da umidade. Este recipiente deve ser limpo todos os dias. 

Ração para aves

Complementos nutricionais 

Muito foi falado da necessidade nutricional das aves e que, ao escolher a ração errada para ela, isso pode interferir neste quesito. Caso isso acontece, o dono pode suprir essa necessidade de uma outra forma, com frutas, por exemplo. Mas isso não é regra, e você só saberá se o indivíduo realmente precisa disso ao consultar um profissional da área. 

Apesar da fruta estar diretamente ligado as aves, você não precisa dar para ela como uma complementação, isso porque muitas rações já vem pedacinhos de frutíferos. In natura, pode-se usá-las como petiscos ou como reforço positivo na hora da adestração do animal. Mas sempre em quantidade moderada. 

E nem precisamos falar que você não deve oferecer a ele ou ela comida de gente, como bolacha, pão, bolo, etc. Além de não conter os nutrientes que a criatura necessitada, estes ainda podem contribuir para o surgimento de doenças na ave. Então, siga a dieta recomendada pelo veterinário. 

Sabemos que as vezes queremos agradá-los com uma comida diferente, mas faça isso seguindo as recomendações indicadas por quem entende do assunto. Caso queira exercitar tal prática, pergunte ao veterinário o que você pode oferecer ao indivíduo, ele com certeza te dará boas opções que não afeta o bem-estar do pet e não mexe no equilíbrio da dieta. 

Um comentário

  1. ADRIANO PEREIRA DOS SANTOS

    Quero compra ração para galos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *