Home / Listas / 7 Raças de Cachorro que Parecem Raposa

7 Raças de Cachorro que Parecem Raposa

Quanto mais conhecemos o mundo animal, maior é a vontade de ter um bicho silvestre em casa. Quem não gostaria de ter uma raposa, por exemplo. Apesar de perigosa e obviamente proibida de ser criada de forma doméstica, elas são super fofas e com certeza fazem a cabeça dos fãs do mundo selvagem. Mas já que não podemos ter uma de verdade, por motivos óbvios, que tal ter um cachorro que se pareça com ela? É uma forma de realizar esse sonho. E você tem quatro opções de raças para concretizar tal desejo. Vamos conhecê-las? 

As raças de cachorros que se parecem com raposas 

1. Shiba Inu 

Shiba Inu
Shiba Inu

O Shiba Inu é uma raça relativamente conhecida. Endêmica do Japão, se parece com a raposa vermelha devido as suas orelhas eretas e pontudas, além da pelagem em dois tons, sendo esta mais clara na região do peito até metade de seu focinho. Além disso, a coloração também é muito parecida com a desse animal selvagem, com o cão podendo ter pelos em vermelho-sésamo, sésamo ou castanho, mas alguns podem ser totalmente pretos. Possui um temperamento desconfiado e independente. 

2. Akita Inu 

Outra raça de origem japonesa, o Akita é maior que o Shiba. Ele até já foi ator principal em filme hollywoodiano. De porte médio, além do nome parecido com o anterior, ele também tem as orelhas erguidas –  mas estas são mais arredondadas na ponta – e pelos em duas cores. Seu focinho é curto e exibe um rosto mais largo com olhos mais centralizados. Isso acaba dando a ele uma aparência mais dócil e até meio risonha. Ele é muito brincalhão e independente. 

3. Spitz finlandês 

Considerado um símbolo nacional na Finlândia, seu país de origem, ele não é muito popular aqui no Brasil, mas é uma opção para quem quer uma “raposa” em casa. Apesar de não ter pelos em dois tons, estes são bem vermelhos, lembrando bastante o bicho silvestre. 

E comparado com os outros pets citados, é ele que tem as orelhas mais próxima do indivíduo, sendo estas pontudas e eretas. Tem um temperamento bem enérgico e a raça é conhecida por latir bastante. Sendo assim, não esqueça de avaliar bem essa característica, por você e pelos vizinhos, infelizmente nem todos são compreensíveis com traços como este. 

4. Spitz alemão 

Ao contrário da anterior, essa é bem conhecida por aqui. No quesito aparência, ele é considerado uma raposa de pelúcia. Você provavelmente deve conhecer ele pelo seu nome popular: lulu da Pomerânia. Pequeno e bem fofo, sua maior característica são os pelos em abundância, que lembra bastante uma juba de leão. Por causa disso, é preciso dedicar um tempo para cuidar desses. Sendo necessário deixá-los limpos e livres de nós. Quanto a coloração, ele pode ser encontrado em diversos tons.

Já nos traços psicológicos, ele é bem carinhoso, brincalhão e corajoso. 

5. Papillon 

Com orelhas bem características, o Papillon é ótimo para quem gosta de ficar com os pets no colo. Ele acompanha seu dono aonde ele for. É bem ativo, por isso dificilmente ele ficará parado, além de ser curioso. O animal sempre está procurando algo para fazer. Apesar do tamanho, é bem corajoso e não se importa em latir para ameaças grandes ou pequenas. Sendo assim, ele é um ótimo cão de alerta. 

6. Cão esquimó americano 

O esquimó é tão peludo que parece uma pelúcia. É uma raça muito inteligente, e em decorrência disso precisa ser treinado desde filhote. Apesar do porte pequeno, sua personalidade pode ser aproveitada para fazer dele um bom pet de guarda. Isso porque ele sempre anuncia a aproximação de estranhos com o seu latido. Nesse sentido ele é muito parecido com o Spitz finlandês. 

7. Pastor belga capa preta 

O pastor belga capa preta é uma mistura de raposa com coiote. Ele tem um comportamento amoroso, legal e fiel. Sendo assim, ele sempre protegerá sua família. Mas é preciso ficar atento a ele a um quesito: estranhos. O cão costuma confundir brincadeiras com algo sério e acaba atacando as pessoas desconhecidas por ele. Se tem criança, é melhor que ambos cresçam juntos, isso melhora a relação entre ambos. 

Sobre a raposa 

A raposa é um canídeo, ou seja, está relacionado aos lobos e aos cães. É de porte médio, medindo cerca de 70 centímetros de comprimento da cabeça até o começo da cauda. Esta, por si só, acrescenta mais 50 cm ao corpo do animal. A raposa vermelha, que é a comum, é chamada assim mas na verdade seus pelos tem um tom meio alaranjado. Porém, pode ser vista em tons de cinza, marrom ou branco. Já as orelhas e as pernas costumam ser pretas. O peito e a barriga são brancas. 

O que mais chama atenção fisicamente falando são suas orelhas. Tem um nariz comprido e fino, com este sendo mais estreito na ponta do que na base. 

Ao contrário da maioria dos mamíferos, exibe pupilas alongadas e verticais, ao invés de circulares. Detém hábitos noturnos. Mesmo assim, não enxerga muito bem no escuro, então usa seu olfato e audição para se guiar. Também prefere caçar e se reproduzir nesta hora do dia.

É um indivíduo inteligente e com grande capacidade de adaptação.
Gosta de morar em florestas, mas também é capaz de habitar áreas povoadas por seres humanos, isso porque ela consome alimentos considerados simples. Por causa das luzes artificiais, é muito comum vê-la tarde da noite em locais urbanizados.
Já durante o dia, descansa nas tocas que cava ou que reaproveita de outros bichos, como texugos ou coelhos, roubando o local dessas espécies. 

É uma criatura rápida e ágil, que vive sozinha ou em pares. Só convive em famílias quando é um bebê.
Do tipo territorial, demarca seu território com um cheiro característico para outros não invadirem. 

Emite diversos sons para se comunicar entre si. Também pode fazer isso usando sua cauda.
Quanto a sua distribuição geográfica, ela é vista na América do Norte, em toda a Europa e em quase toda a Ásia. Porém, existe uma pequena população na África, além da Austrália, onde foi introduzida artificialmente e, por causa disso, é uma causadora de problemas à fauna nativa.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *