Home / Listas / 8 Cães Admiráveis do Passado

8 Cães Admiráveis do Passado

Cachorros podem fazer coisas muito surpreendentes e maravilhosas. De coisas pequenas dos nossos próprios pets no decorrer do nosso cotidiano como, por exemplo, ir até você quando são chamados, sentar e ficar quando você manda, te pedir comida ou até mesmo saber exatamente quando pode comer seus chinelos sem que sejam pegos.

Separamos 8 cachorros que tiveram papel importante em situações relevantes para a história da humanidade ou que conseguem fazer coisas impressionantes. Conheça a seguir esses cãezinhos maravilhosos:

1. Laika

Laika Dog
Laika Dog

O famoso astronauta Yuri Gagarin pode ter sido o primeiro ser humano a viajar para o espaço, mas esse feito histórico e sensacional de 1961, não seria imaginável sem uma cachorrinha chamada Laika. Ela foi resgatada das ruas de Moscou, na Rússia, recebeu treinamentos intensivos e se tornou o primeiro ser vivo a orbitar o Planeta Terra. E embora tenha desfrutado várias décadas de fama por sua realização, a Laika infelizmente não sobreviveu à missão e, por isso, não teve a chance de apreciar seu status de celebridade. As autoridades soviéticas disseram que ela sobreviveu por pelo menos alguns dias, mas, na verdade, ela morreu menos de duas horas durante a missão devido a superaquecimento e estresse.

2. Sargento Stubby

Sargento Stubby
Sargento Stubby

O título de militar cedido para esse mix de pit bull não é apenas para que ele fique ainda mais fofo de uniforme, a honraria é totalmente merecida. Você deve estar se perguntando como isso é possível. Mas é! Durante a Primeira Guerra Mundial, o cão Stubby serviu à 102ª infantaria ao lado do seu dono, John Robert Contoy, que o havia levado escondido para a França quando ele foi convocado. Mas o forte senso de olfato e audição de Stubby provou ser bastante valioso para a infantaria. Ele alertava os homens sobre ataques de gás e ajudava a resgatar soldados feridos. Mas foi um fato muito útil e impressionante que o fez ganhar o posto de sargento: Stubby farejou um espião alemão!

3. Bud

Bud
Bud

Em 1903, um homem chamado Horatio Nelson, nos Estados Unidos, foi o primeiro humano a dirigir uma invenção que mudaria os cursos da história: um automóvel! Horatio Nelson tinha um copiloto oficial, Sewall K., no dia em que dirigiu pela primeira vez, mas quem roubou a cena foi uma outra criaturinha. O pit bull chamado Bud. Vestindo um óculos escuro feito especialmente para proteger seus olhos, Bud apareceu no primeiro passeio e se tornou o primeiro cachorro a dirigir pela América do Norte,

4. Balto e Togo

Balto e Togo
Balto e Togo

Na época, Balto teve as maiores manchetes sobre o fato, sem mencionar uma famosa estátua no Central Park, mas o famoso cão de trenó que ajudou a entregar uma remessa de antitoxinas para Nome, no Alasca durante um surto de difteria em 1925, teve muita ajuda. Esse auxílio veio particularmente de Togo, cuja equipe de companheiros de cães de trenó viajou duas vezes a distância dos Balto e cruzou as partes mais traiçoeiras da caminhada de 1.567 km de distância. Mas como foi a equipe de Balto que terminou a etapa final da jornada de cinco dias e meio, foi ele quem conquistou a maior parte da glória.

5. Swansea Jack

Swansea Jack
Swansea Jack

Swansea Jack é uma lenda no País de Gales, onde viveu com seu dono, William Thomas, perto do rio Tawe. E foi lá que a reputação de super-herói de Swansea Jack começou. Este maravilhoso cachorro de estimação pulou no rio e salvou um garoto que estava nadando e começou a se afogar. Algumas semanas depois, ele fez de novo. E após um tempo, fez mais uma vez. E de novo. E de novo! Pode acreditar, no total, acredita-se que Jack tenha salvado um total de 27 pessoas durante sua toda a sua vida. É ou não é um cãozinho sensacional?

6. Rolf

Rolf
Rolf

Os donos de cães nunca têm vergonha de mostrar a inteligência dos seus bichinhos. E não seria diferente com Paula Moekel e seu terrier chamado Rolf. Ele tornou-se famoso em todo o mundo por sua capacidade de (está preparado?) ESCREVER juntando letras com a pata! Inacreditável, não é? Veracidade das afirmações à parte, Paula Moekel também afirmava, na época, que seu cão era um grande matemático, poeta, teólogo e filósofo. Não existiu uma cobrança ou investigação para estas considerações para saber de fato se eram verdadeiras ou não, mas o fato é que por causa de Rolf, os nazistas tentaram treinar um exército de cães falantes e superinteligentes.

7. Hachiko

Hachiko
Hachiko

O fato de os cães serem uma espécie fiel não é novidade, mas vale a pena mencionar as profundezas da fidelidade de alguns cães. Especialmente quando se trata de Hachiko, o Akita que costumava cumprimentar seu dono, professor da Universidade de Tóquio, Hidesaburo Ueno, no final de cada dia de trabalho na estação de Shibuya. Mas em 1925, Ueno faleceu repentinamente de uma hemorragia cerebral e nunca mais voltou para casa. Ainda assim, supreendentemente, Hachiko esperou. Todos dos dias! Pelos próximos nove anos. Esta história é tão incrível e famosa que inspirou o filme hollywoodiano “Sempre ao seu lado”, com o consagrado ator americano Richard Gere. Filmão!

8. Chips

Chips
Chips

Se você já viu o filme da Disney de 1990 “Chips, o Cão de Guerra”, conhece a história dessa mistura de pastor alemão-collie-husky, que serviu com a 3ª infantaria no norte da África, Itália, França e Alemanha durante a Guerra Mundial II. Treinado como um cão de sentinela, os reflexos rápidos de Chips fizeram dele um recurso valioso na defesa de sua unidade. Uma vez, ele forçou quatro artilheiros a se renderem às tropas americanas e, no mesmo dia em que machucou o couro cabeludo e sofreu queimaduras de pó, Chips ajudou seus homens a capturar 10 prisioneiros italianos. Embora sua distinta Cruz de Serviço, Estrela de Prata e Coração Roxo tenham sido revogadas devido a uma regra do Exército sobre condecorações para animais, Chips continua sendo um dos cães de guerra mais condecorados do mundo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *