Home / Listas / 5 Fatos Sobre Cobras Venenosas

5 Fatos Sobre Cobras Venenosas

Se eu te perguntar se você gosta de cobra, imagino que a resposta da grande maioria será não e isso tem um motivo bem simples: porque elas são venenosas.
Entendo sua preocupação e ela é até sábia, mas você sabia que nem todas são exibem toxina? Então, não precisa ter medo de todas elas.
Mas, no texto de hoje, vamos destacar as venenosas, e com essas é necessário ter cautela. 

  1. Glândulas especiais 

Você sabia que todas as cobras tóxicas detém uma glândula especial? É por meio desta e de seus dentes projetados que ela é capaz de injetar veneno nas suas vítimas que, na maioria das vezes, trata-se de suas presas. Normalmente esse traço é utilizado de duas formas: para paralisar ou matar numa tacada só, a caça. 

Cobras Venenosas
Cobras Venenosas
  1. Cobras versus seres humanos

Você sabe quantas espécies de serpente são venosas? 700. É bastante coisa, mas se formos comparar os números, a quantidade que pode matar humanos com a sua toxina é relativamente pequena. Apenas 250 delas tem essa capacidade. Mas é melhor não bobear, não é mesmo?
Mas lembrando que ela só faz isso como modo de defesa, ou seja, se de alguma forma o bicho te considerar uma ameaça. 

  1. O veneno 

O veneno desse indivíduo, de alguns deles, na verdade, pode contar com neurotoxinas capazes de prejudicar o sistema nervoso. Apesar disso, a picada é resolvida com um antídoto ou antiveneno. 

Cobras Venenosas
Cobras Venenosas
  1. As mais perigosas 

Das 250 espécies que falamos, que são capazes de matar um ser humano, qual delas você acha que é a mais perigosa? Bom, podemos pensar em várias, mas esse posto não pertence a uma criatura terrestre. Pois é, a serpente mais mortal é a marinha, considerada uma das mais venenosas do mundo. 

E você sabe qual é a que tem o maior índice de toxina? As taipans, uma cobra – adivinha de onde? – da Austrália. É claro que tinha que ser de lá.
As marrons australianas são consideradas uma das mais perigosas, porque ela se assusta com muita facilmente. Ou seja, a probabilidade dela te atacar é bem grande. 

Você com certeza tem medo da cobra coral, certo? Quando falamos em seres mortais, esse indivíduo vem a cabeça de forma automática. E você está certo de ter medo dela. Uma picada desse bicho significa uma morte quase certa. Apesar disso, ela não é agressiva e utiliza essa forma de defesa como um último recurso. 

A víbora tem uma característica peculiar, mas bem inteligente. Seus dentes são ocos e longos, e são assim para ela poder injetar sua toxina.
Sabe qual é a maior do grupo? A King Cobra. Esse indivíduo é o mais comprido com a capacidade de picar. Pode chegar a ter 5,6 metros de comprimento. 

A cascavel, provavelmente uma das mais famosas, recebe esse nome devido a sua cauda, que se parece bastante com um chocalho. Quando quer avisar ou espantar um predador, ela balança seu rabo. Bom, olha pelo lado positivo, pelo menos ela está te dando a chance de escapar antes dela entrar em ação. Falando nelas, as picadas mais comuns na América do Norte são delas. 

As mambas negras podem ser consideradas uma das mais fascinantes, além do seu corpo ser preto, a parte interna da sua boca tem a mesma coloração. Aliás, é por causa dessa característica que ela leva esse nome. Além disso, o indivíduo é uma das mais rápidas. O jogador de basquete da NBA, Kobe Bryant, era chamado de Black Mamba, devido a sua velocidade. O atleta morreu esse ano, em um acidente de helicóptero. 

Cobras Venenosas
Cobras Venenosas
  1. Características peculiares e hábitos 

Como você deve imaginar, esse ser é carnívoro, se alimentando principalmente de pequenos roedores. Mas por causa desse hábito e do fato dela não ter dentes, comer poderia ser um tanto quanto difícil para ela, mas a natureza ou a evolução – isso depende do seu ponto de vista – é sábio e devido a isso fez com que ela tivesse mandíbulas super flexíveis, assim o bicho consegue consumir alimentos maiores que a própria cabeça, inteiros. Sem tempo para mastigar, irmão. Bom, nem que ela quisesse, né. Aliás, em decorrência disso é possível observar algumas delas com um certo volume na barriga, logo após dela se alimentar. Demora um tempo até ela digerir um animal inteiro. Uma curiosidade sobre é que, caso a cobra percebe que está em perigo logo após ela ter comido, o ser vai vomitar a refeição para poder escapar, já que fica vulnerável com esse volume todo. 

Apesar de não aparecer, fisicamente falando, as serpentes têm orelhas, mas estas são internas.
Mesmo parecer o contrário, sabia que a pele desse bicho é lisa e seca? Parece que não, não é? Ela dá a impressão de ser meio “molhada”. E esta pode ser trocada várias vezes ao ano. Normalmente, o processo dura alguns dias. 

E você sabe como elas cheiram? Não, não é com o nariz. Mas, sim, com a língua. Por isso é comum vê-la com esta para fora com certa frequência.
Você provavelmente já viu isso em filmes ou mesmo reportagens. É muito corriqueiro o animal ser usado em performances, por aqueles que são chamados de encantadores de serpentes, mas ao contrário do que se pode imaginar, ela não é responde ao som, mas, sim, pelos movimentos do artista. 

Cobras Venenosas
Cobras Venenosas

Como dito, nem todas são venenosas, estas, por sua vez, tem uma forma diferente de se defender e caçar. Elas envolvem a vítima com o seu corpo e as sufocam até a morte. Esse processo é chamado de constrição. Normalmente, as cobras desta espécie são maiores, como é o caso da piton, anaconda, etc. 

Aliás, esta última é uma das maiores a ser encontrada aqui no Brasil e outros lugares da América do Sul. Ela pode chegar a 5 metros de comprimento. Porém, a maior é a píton, que pode alcançar os 8,7 metros. Venenosa ou não, eu que não ia querer ver uma dessas. 

E, por fim, sabia que ela não tem pálpebras? No lugar desta, exibe uma película que protege a região, que inclusive também muda quando o animal troca de pele. 

Gostou? Não deixe de compartilhar. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *