Home / Listas / 13 Curiosidades Sobre o Tucano

13 Curiosidades Sobre o Tucano

O Brasil é conhecido por ter uma enorme diversidade quando o assunto é fauna. Aqui podemos ver várias espécies endêmicas e não endêmicas do país, entre elas está o simpático e magnífico tucano. 

Abaixo, vamos conhecê-lo melhor. 

  1. Morador das Américas tropicais

Essa ave de bico colorido gosta de viver em áreas tropicais e subtropicais, preferencialmente em selvas. São nativos lado sul do México, na América Central, e ao norte da América do Sul, assim como regiões do Caribe.
Espalhados em todos esses locais, existem cerca de 49 espécies e todas elas fazem parte da família Ramphastidae. 

Ramphastidae
Ramphastidae
  1. Bico colorido 

Qual a primeira coisa que lhe vem à cabeça quando falamos de tucano? Seu bico, claro. Além de grande, é super colorido, apresentando uma variedade incrível de cores.
Este, além de ser chamativo, tem uma boa estatura. Aliás, é o maior da natureza, podendo chegar a 20 centímetros, quase metade do comprimento do próprio corpo do animal, que gira em torno de 63,5 cm. 

Mas com esse tamanho todo, ele é bem leve, principalmente por conta da substância que ele é feito: queratina, mesmo item presente no nosso cabelo. O mais interessante é que a parte de dentro é composta de ossos.
Acredita-se que este seja comprido para manter os pássaros frescos, já que eles moram em regiões quentes. E como são leves, quer dizer que não são fortes, ou seja, ele não pode usar este para cavar ou mesmo lutar com outras aves. 

E por incrível que parece, essa cor toda é, na verdade, uma forma dele se camuflar na floresta.
E ainda falando da boca, o indivíduo exibe uma língua fina e longa, que mede até 15 centímetros de comprimento. Esta é preta e laranja. 

  1. Pássaro, mas não tão bom de voo 

Por ser uma ave, você deve pensar que ele faz isso muito bem, mas não é verdade. Como já vimos aqui, tem muitos bichos que fazem parte desse grupo, mas não são voadores exímios ou, algumas vezes, nem conseguem realizar essa atividade, como é o caso do pinguim – você pode ler sobre ele aqui (caso quiser fazer uma linkagem).

Apesar de realizar tal processo, o tucano não pode ficar muito tempo no ar porque suas asas são curtas. Isso faz com que ele não seja capaz de se afastar muito da sua moradia, assim como o força utilizar de pulos para se locomover nas árvores. Algo que realiza com tranquilidade, devido aos seus dedos curvos e com garras afiadas.  

  1. Comedor de frutas 

A dieta desse indivíduo é composta principalmente de frutas, como todos os pássaros, mas as vezes ele dá uma variada e consome alguns insetos e lagartos pequenos. 

Tucano comendo fruta
Tucano comendo fruta
  1. Vivendo em grupo 

Os tucanos vivem em bandos, mas não muito grandes. Normalmente fazem seu ninho em cavidades e buracos nas árvores. Em algumas ocasiões estes são feitos pelo primo dessa ave, o pica-pau. Parente adiantando o serviço, olha que beleza. 

  1. Espécie mais comum 

A espécie mais comum de todas é o tucano-toco, ele também é o mais famoso. É distinguido por seu bico amarelo alaranjado com ponta preta. Suas pernas tem a mesma cor, menos na região da garganta, esta é branca. O ser é o maior do grupo, podendo medir 63 centímetros e mais 19 só de bico. 

  1. Comportamento, idade e predadores 

Ele é considerado uma das aves mais selvagens da selva.
Sua expectativa de vida alcança os 20 anos. Algo comum no grupo, muitos pássaros vivem bastante, como é o caso do papagaio.
O indivíduo normalmente é caçado por onças e outros felinos. 

Tucano
Tucano
  1. Famoso 

Você já comeu Fruit Loops? Esse é um cereal americano. Não costuma ser muito famoso no Brasil, mas quase todo filme que tenha cena de alguém tomando café da manhã, você provavelmente vai ver essa caixinha. Essa linha faz parte da empresa Kellogg, e sabe quem é o resto deste? Isso mesmo, um tucano. O mascote, chamado de Toucan Sam, personagem de desenho animado, aparece nas capas do alimento desde 1960. 

Ele também dá o ar da graça no filme Rio, que conta a história de uma Arara-azul que vive em cativeiro, mas vem para o Brasil para salvar sua espécie, já que é outro pássaro que está em extinção. 

  1. Em extinção

Como mora em florestas, o tucano corre muito risco de sumir, já que seu habitat está sendo destruído. Porém, como consegue se adaptar rápido, ele sobrevive em qualquer ambiente. E pude comprovar isso, já que já vi algumas vezes alguns voando perto de casa e eu moro numa cidades bem urbana, mas que ainda conta com bastante árvore. Inclusive, até achei que estava alucinando, porque era de manhã de bem.  

  1. Sem bico 

Sabia que quando eles nascem, vem ao mundo sem sua maior característica? Sim, sem o bico. Este vai aparecendo conforme o bicho cresce. É, não acho que seria muito viável ele nascer com um negócio enorme desses. 

Tucano filhote
Tucano filhote
  1. Simbolismo

Em tribos de nativos americanos, é comum ver o animal ser representado em totens. Este significa exibicionismo e comunicação nessa cultura.
Além disso, é a ave nacional de Belize. 

  1. Barulhentos 

Qual é o primeiro barulho que você ouve de manhã? Além dos despertador, é claro. Pássaros, certo? Entre eles, você não ouvirá o tucano. Este normalmente fica mais ativo no fim da tarde, quando inicia sua convocação. 

  1. Dando boas-vindas

Conta-se uma história que os primeiros pássaros que os europeus viram quando chegaram ao Brasil, foi o tucano. E muitos acreditam que isso é realmente verdade.  

Estes são realmente animais exuberantes, mas correm o risco de sumir por causa da destruição das florestas e a caça ilegal, que acaba tirando muitos deles da natureza. O que sabemos que não é uma boa idéia. Além de confina-lo, quando feito isto a pessoa está o sentenciando a morte. Quando preso, o indivíduo se recusa a comer e fica extremamente triste em cativeiro. Lembre-se que o bicho é o mais selvagem da sua família, então essa é uma reação esperada. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *