Home / Listas / 10 fatos fascinantes sobre gatos

10 fatos fascinantes sobre gatos

Os gatos, por si só, são criaturas únicas, com muita personalidade e manias próprias. Escolhem seus donos quase como nós escolhemos eles! São livres e adoram um chameguinho. Nós aqui do Portal dos Animais, escolhemos alguns fatos interessantes que vão te fazer amá-los ainda mais!

1. Os Gatos Passam de 30 a 50% do Dia se Lambendo

Será que você é tão limpo quanto um gato? Talvez nem chegue perto! Isso porque essa mania de se lamber serve para alguns propósitos específicos: ajudá-los a suavizar seu cheiro, esfriá-los e promover a distribuição uniforme dos óleos naturais ao redor do seu pelo. Assim, eles conseguem se manter quentes, secos e limpos por muito mais tempo.

2. A Massagem do Gato Pode Ser Para Te Marcar Como Um Território

Os pesquisadores e cientistas ainda não conseguiram identificar exatamente o motivo pelo qual os gatos têm o costume de massagear seus donos. O famoso “amassar pãozinho”. Mas, mesmo não conseguindo chegar a um consenso, os estudiosos chegaram à algumas conclusões: uma delas é que ele está tentando te marcar como um território dele com o cheiro que sai das suas patas; outra explicação pode ser que, como os gatinhos amassam a barriga da mãe deles para estimular a produção de leite, existe a possibilidade deles levarem esse tipo de comportamento para a vida adulta. O nome científico para isso é “comportamento neotênico”

Gatos
Gatos

3. Existe um Quadro de Gato que Vale Quase Um Milhão de Dólares

É isso mesmo que você leu, em 2015, um quadro batizado de “Os amores da minha mulher” foi considerado a maior pintura de gato do mundo. Este quadro já pertenceu a uma filantropa chamada Kate Birdsall Johnson. Ela amava tanto gatos que era dona de quase cem! Ela encomendou esta pintura para retratar seus gatos das raças Angorá e Persa. Após anos com o quadro em sua casa, Kate Johnson resolveu vende-lo, conseguindo o valor de 820 mil dólares!

4. Nem Sempre os Gatos Caem nas suas Quatro Patas

Ao contrário do que todo mundo pensa, nem sempre os gatos pousam sobre as suas quatro patas quando caem ou pulam de algum lugar. Apesar de ser uma grande a porcentagem de vezes que as suas patas tocam o chão primeiro que o resto do seu corpo. Os gatos têm uma impressionante sensação de equilíbrio, o que os ajuda a ajustar seus corpos de acordo com seus movimentos na hora da queda/pulo e torcer sua coluna super flexível ainda no ar.

5. A Verdade é que Ninguém Sabe de Onde Vem a Crença do Azar no Gato Preto

Mesmo sendo uma crença/mito que persiste há séculos na civilização ocidental, o fato é que ninguém sabe ao certo de onde isso veio. Felinos com pelo escuro primeiro se ligaram ao diabo durante a Idade Média e, quando a pandemia da Peste Negra chegou à Europa em meados do século 14, algumas pessoas supersticiosas responderam a isso matando os gatos pretos. Um horror! Por ironia, os gatos ajudariam na contenção da doença comendo os ratos que eram os verdadeiros propagadores. Depois disso, os gatos pretos foram associados às bruxas porque mulheres acusadas de magia negra tendiam a adotar gatos de rua como seus companheiros.

Gatos
Gatos

6. Os Mesmos Gatos Pretos São Sinônimo de Boa Sorte no Japão e Reino Unido

Como acabamos de ver, os gatos pretos são mau presságio em muitos países da Europa, nos Estados Unidos e até mesmo aqui no Brasil, mas no Reino Unido e no Japão a história é completamente diferente. Nas ilhas pertencentes ao Reino Unido, por exemplo, noivas recebem gatos pretos para abençoar seu casamento e os japoneses acreditam que além de dar boa sorte, esses gatos podem ajudar mulheres solteiras a arranjarem um namorado ou um marido. As crenças humanas são muito diferentes de um lugar para o outro, um exemplo disso é a Alemanha. Lá, se o gato preto cruzar seu caminho da esquerda para a direita é má sorte, agora, se ele fizer o caminho oposto, da direita para a esquerda, é sinal de boa sorte. Vai entender!

7. Gatos vs Água

Especialistas acreditam que os gatos odeiam água porque eles se sentem extremamente desconfortáveis ao sentirem seus pelos molhados e, também, sentem medo quando perdem o controle da sua flutuabilidade, ou seja, quando estão na água e não conseguem alcançar as patinhas no chão. Mas como existe exceção para tudo, raças de gato como Van Turco, Maine Coons e Bengalas, são mais propícios a se sentirem mais confortáveis (e até gostam) de dar um mergulho de vez em quando.

8. Eles Amam Lugares Pequenos

Por que será que gatos gostam tanto de se aconchegar em caixas pequenas? Cientistas e especialistas em comportamento felino dizem que estudos indicam que os gatos se sentem mais protegidos, seguros e até mesmo importantes nessas situações, como se eles estivessem de volta ao útero das suas mães. Quanto às caixas, especificamente, acredita-se que este fato ajude os gatos a reter mais calor corporal, fazendo com que se sintam melhores e consequentemente mais relaxados e quentinhos.

Gatos
Gatos

9. Por que Gatos Miam?

A verdade é que ninguém sabe! Mas especialistas acham que isso pode ser um chamado para seu gatinho interior. Quando filhotes, os gatos fazem barulhos para chamar a atenção da sua mãe, mas como felinos adultos eles não miam enquanto interagem com outros gatos. Esse conjunto de informação ajuda, também, a chegar à conclusão de que os miados são uma comunicação exclusiva com os humanos para que eles transmitam suas emoções e necessidades físicas.

10. Pessoas Que Vão à Faculdade São Mais Propensas a Terem Gatos

Em 2010, um estudo realizado pela Universidade de Bristol pesquisou mais de 3 mil pessoas quanto a seus animais de estimação, onde moravam e qual era seu nível de escolaridade. Eles descobriram que pessoas com diplomas universitários são 1.36 vezes mais propensas a terem um gato do que qualquer outro animal. Esse fenômeno pode estar ligado ao fato de que felinos precisam de menos atenção e cuidado, sendo considerados animais independentes. Isso é perfeito para pessoas que têm uma agenda cheia e carreiras bem sucedidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.