Home / Informações / Wallaby: Conheça Esse Marsupial

Wallaby: Conheça Esse Marsupial

Muito confundidos com os cangurus, o wallaby também é muito bom de briga com seus fortes chutes em pular. Conheça a seguir mais detalhes sobre esta espécie de animal também pertencente à família macropodidae. Os cangurus e os wallaroos também são pertencentes a mesma família.

Quando mencionamos o nome canguru, as pessoas logo associam a sua forma ao animal. Diferente de quando falamos sobre o wallaby ou wallaroos, que poucas pessoas conhecem.

Os wallabies não são considerados como cangurus, mesmo pertencendo a mesma família, por conta de seu tamanho diferenciado, sendo bem menores que os cangurus. Dentro desta categoria, nós temos aproximadamente 30 espécies já conhecidas. Para que você possa entender um pouco mais sobre este animal, detalhamos aqui algumas características sobre o marsupial wallaby para você conhecer melhor.

Wallaby
Wallaby

Características físicas

Medindo cerca de 70 a 90 cm, o marsupial wallaby é um animal pequeno. Sua cauda pode chegar a até 70 cm e ele pode pesar de 25 a 35 kg. Na maioria das vezes, o wallaby macho possui estatura maior que as fêmeas, mas isso depende da localização geográfica destes animais.

Nem sempre os wallaby possuem a mesma cor. A pelagem desses animais pode variar entre branco, marrom, cinza ou preto. Parte da frente de seus corpos é com pelagem branca, na maioria das vezes, com a pelagem dos olhos, orelhas e pernas mais escuras que as demais partes do corpo do wallaby. Eles possuem cabeça alongada.

Os wallaby fêmeas, assim como todos os marsupiais possuem a bolsa frontal onde carregam seus filhotes.

Suas patas traseiras possuem 4 dedos e são bem grandes. Isso facilita na hora de saltar longas distancias e a se defender em brigas com fortes chutes.

As patas frontais são bem curtas e possuem garras afiadas para que possa ajudar na hora da defesa. Sua cauda longa é responsável por manter o equilíbrio em seu corpo em quanto de locomove.

Uma curiosidade sobre este animal, é que em seu próprio estomago, o wallaby possui um compartimento onde consegue realizar fermentações de alguns alimentos.

Estilo de vida do Wallaby

O wallaby é um animal quieto, tranquilo e curioso. Ao mesmo tempo, esta espécie é bem desconfiada e tímida. Não considerados agressivos, mas quando se sentem ameaçados eles podem se defender através de fortes pontapés com as patas traseiras.

Esta espécie possui hábitos noturnos para se alimentar, já que durante o dia eles dão a preferencia em se manter quietos e dormindo por conta do calor.

É possível encontrar um wallaby em regiões montanhosas, savanas, áreas rochosas e também em selvas. Na Austrália, Nova Guiné e Tasmânia, são alguns dos lugares onde pode se encontrar este animal. Os wallaby são bem sociáveis entre eles e gostam de viver em grupos. Quando estão em época de escassez de água, eles gostam de migrar e ficar todos ao redor de uma fonte.

Quando um dos membros do grupo nota uma situação de perigo para o bando, eles se alertam através de ruídos estridentes realizados com sua cauda ou com as patas traseiras. Nestes casos de perigo, eles dão preferencia em encontrar um local seguro e se abrigar até o perigo passar, mas quando não há como, eles param para lutar e defender uns aos outros sem descanso. O extinto de defesa fica ainda mais expressivo quando se trata da defesa com um filhote. Os wallaby são animais totalmente expressivos em diversas situações, principalmente quando se trata em filhotes e companheiros de bando.

Alimentação

O wallaby é um animal herbívoro, com uma dieta composta por pequenos arbustos, ervas, folhas, frutas, raízes e legumes. Já que seu habitat geralmente não possui disposição de água, o wallaby precisa percorrer grandes distancias até conseguir encontrar água para beber. Os alimentos também são fontes de hidratação para este animal, principalmente com as frutas.

Quando se manifestam em regiões urbanas, o wallaby é considerado uma praga, já que eles invadem as plantações em busca de alimentos.

Wallaby com Filhote
Wallaby com Filhote

Reprodução

Os wallabies começam a se acasalar após completarem 1 ano de idade, sempre os meses de dezembro e fevereiro. Sua gestação é bem rápida, durando apenas 30 dias. Na maioria das vezes, é dada a luz a apenas um único filhote por gestação.

Os filhotes de wallabies são bem indefesos e já logo se escondem dentro da bolsa da mãe para proteger por conta de seu extinto. Eles ficam dentro da bolsa de sua mãe por no máximo 7 meses. Alguns filhotes acabam saindo da bolsa e depois retornam apenas quando se sentem ameaçados ou ficam com medo.

O vinculo entre mãe e filho nesta espécie é bem forte. Tanto é que a mãe permite que o filho continue ao seu lado mesmo ele já tendo procriado e ainda auxilia na proteção do novo filhote.

Uma curiosidade é que os wallabies conseguem produzir dois tipos de leite diferentes: um para os filhotes recém-nascidos, e outro tipo de leite para os filhotes mais velhos que ainda estão juntos a ela.

Diferenças entre o wallaby e o canguru

Muitas pessoas acham que o wallaby é uma derivação do canguru, com um porte menor, mas na verdade o wllaby é uma raça com características totalmente diferentes. Ao observarmos um canguru, percebemos que suas pernas e são mais longas que as do wallaby. A pelagem do wallaby também possui cores diferentes, tendo mais vida e com diferentes tonalidades. Já a pelagem do canguru é mais uniforme.

Sua expectativa de vida também é bem diferente. Os cangurus vivem quase o sobro que os wallabies. Outra forte característica que também os diferenciam, é o tamanho. Os wallabies são bem menores em relação ao canguru.

Reprodução E Desenvolvimento Do Wallaby

O wallaby possui um tempo de reprodução de dezembro até fevereiro. Durante suas vidas, eles podem se manter tanto solitários, quanto em grupos de até 30 animais.

Como em todo grupo, sempre há o macho dominante. É sempre o macho dominante o responsável pela reprodução das fêmeas no grupo. Ao se reproduzir, o embrião se desenvolve somente por 1 mês inteiro dentro do útero. Após o nascimento, o filhote de wallaby fica de 7 a 8 meses no marsúpio para amamentação. Após o desmamo, o filhote mais um mês dentro da bolsa da mãe. A partir daí, o filhote de wallaby aprende a se tornar mais independente e larga o marsúpio.

Quando atinge a maturidade sexual, com cerca de um ano e dois meses, eles já podem se reproduzir também.

Os wallaby são fortes vítimas de caçadores, por conta de sua carne para alimentação, couro e pelo para confecção de vestimentas. Mesmo assim, esta espécie de marsupial não se encontra na zona de risco de extinção.

Diferente de um canguru, os wallabys possuem uma expectativa de vida bem baixa, variando de 10 a 15 anos somente. Um canguru vive em média de 20 a 25 anos, quase o dobro em relação a um wallaby

O desenvolvimento e independência de wallaby em comparação a um canguru é mais rápido. Para o canguru, eles ficam no marsúpio cerca de 9 meses até o seu desmame. Mesmo depois do desmame, eles ainda ficam mais 2 meses dentro da bolsa da mae até adquirirem independência. Sua maturidade sexual chega apenas próximo aos 2 anos de idade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *