Home / Informações / Tudo Sobre A Doença De Chagas

Tudo Sobre A Doença De Chagas

Podemos dizer que a doença de chagas é uma doença nativamente americana, ou mais especificamente do continente americano. Isso porque o seu mais conhecido causador, o barbeiro (um tipo de inseto) está presente na América do Sul onde nós brasileiros estamos e também na América Central.

Doença De Chagas
Doença De Chagas

Falando Sobre A Doença De Chagas

A doença de chagas é causada pelo protozoário Trypanosoma cruzi. Apresenta duas variáveis, ou fases, doença de chagas aguda (DCA) e a doença de chagas crônica.

No caso da aguda a mesma pode ser sintomática ou não o que pode dificultar o seu diagnóstico. A crônica se ramifica em digestiva, cardíaca, cardiodigestiva e indeterminada.

As formas de contagio da doença são bem diversificados, podendo ser desde transmissão por meio vetorial quanto vertical e oral. Vamos explicar cada uma delas logo abaixo:

Formas de transmissão

Vetorial: a transmissão vetorial é a que habitualmente mais conhecemos. O contágio se dá pelo contato com fezes de triatomíneos infectados.

Oral: a transmissão por meio oral ocorre com a ingestão de alimentos contaminados com parasitas oriundos de triatomíneos infectados.

Transmissão vertical: talvez essa seja a menos conhecida entre nós, meros leigos. A transmissão vertical ocorre da mãe infectada para o bebê em seu ventre.

Barbeiro - Doença De Chagas
Barbeiro – Doença De Chagas

Transmissão por meio de doação ou transmissão transfuncional: a transmissão por meio de doação, como o nome sugere vem do recebimento de órgãos ou de sangue contaminados por triatomíneos infectados.

De modo acidental assim como o de modo vetorial é mais conhecido por nós. Ocorre no contato de feridas ou mucosas com o triatomíneos infectados.

O Tempo De Incubação E Os Primeiros Sintomas

Quando falamos de tempo de incubação estamos falando do tempo de manifestação dos sintomas assim que o contato com o agente transmissor ocorre. No caso da doença de chagas o tempo de incubação pode variar de acordo com a forma de sua transmissão. Por exemplo, a manifestação dos sintomas ocorre de maneira mais rápida na transmissão por meio vetorial. Nesse tipo os sintomas podem aparecer em um período de quatro a quinze dias.

O surgimento dos sintomas mais tardiamente ocorre no caso da transmissão transfuncional ou por transplante. Para o referido tipo os primeiros sintomas podem aparecer com pelo menos trinta dias, apresentando uma média de trinta e cinco dias.  Para a transmissão oral os sintomas tendem a aparecer com pelo menos vinte dias, no contagio acidental também.

Mas afinal, quais são estes sintomas da doença de chagas?

O Que Você Está Sentindo?

Como adiantamos no início deste post, a doença de chagas apresenta duas fases. A primeira, a fase aguda, é a mais leve (em relação a crônica) e pode até mesmo ser assintomática, ou seja, não apresentar sintoma algum.

Em caso de manifestação de sintomas na fase aguda eles podem ser tanto inchaço nas pernas, dores de cabeça e febre persistente, com mais de sete dias de duração.

Na fase crônica há a ideia de que os sintomas são mais severos. Todavia, assim como a aguda pode não ocorrer a manifestação sintomática. Em alguns episódios, entretanto, pacientes relataram à insuficiência cardiorrespiratória e problemas digestivos relacionados a doença.

A Prevenção É Sempre O Melhor Remédio

Como você poderia imaginar e não seria diferente, a melhor forma de acabar com a doença de chagas é atuando sobre a prevenção da manifestação de seu agente causador. Cada tipo, por assim dizer da doença de chagas apresenta cuidados que podem ser adotados mas se não houver barbeiros próximos nós outras medidas se tornam vagamente desnecessárias.

Para evitar que você tenha barbeiros em sua casa o indicado é a contratação de uma equipe especializada, bem capacitada e de sua confiança para a aplicação de inseticida residual. Produto este que apresenta os melhores resultados.

Prevenção Doença de Chagas
Prevenção Doença de Chagas

Para evitar a entrada por fendas, janelas e outros o indicado é a aplicação de telas.

Você deve estar se perguntando agora como se proteger fora de casa. Fora de sua residência recomendamos que sempre que possível utilize mangas compridas e repelentes, principalmente para casos de atividades noturnas em área de mata.

Situação Da Doença De Chagas Hoje

Depois de um intensivo trabalho no combate à transmissão vetorial (contato com fezes infectadas), desenvolvido a partir dos anos de 1970, trinta e seis anos depois o Brasil recebeu certificado de interrupção de propagação e transmissão por intermédio do chamado Triatoma infestans, um dos principais agentes responsáveis pela transmissão vetorial na época.

Apesar desta considerável conquista estima-se que cerca de doze milhões de pessoas apresentem a doença crônica, fase que embora seja mais grave na maioria dos casos é assintomática. Isso apenas nas Américas

Destes doze milhões acredita-se que um milhão estejam no Brasil infectados pelo T. cruzi.

Surtos De Chagas No Brasil

A transmissão da doença de chagas por via oral é atualmente a que mais preocupa autoridades médicas. Recentemente um grupo que realizou retiro religioso desencadeou um surto de chagas em Pernambuco. Cerca de quarenta pessoas foram diagnosticadas com a doença em fase aguda.

Isso acontece porque como comentamos inicialmente a doença de chagas de transmissão oral pode ser contraída a partir do consumo de alimentos contaminados. Muito se fala sobre o contato por meio do consumo de açaí o que leva vira e mexe o assunto à tona. Recentemente uma família inteira foi diagnosticada e recebeu tratamento após consumo de açaí contaminado.

Os sintomas da doença como comentamos anteriormente aparece de acordo com a forma de sua transmissão. Os principais são febre, vermelhidão, inchaço nos olhos e crescimento do fígado e do baço também. Habitualmente dado os primeiros dias a febre tende a sumir e os sintomas se tornam visivelmente mais amenos, contudo a essa altura o parasita já se encontra em alguns órgãos de seu portador.

Surtos De Chagas No Brasil
Surtos De Chagas No Brasil

Como nem sempre apresenta sintomas e raramente evolui para o óbito é possível que alguém descubra que foi infectado vinte ou trinta anos após o contato com o seu transmissor. A doença de chagas pode ser diagnosticada por meio de um exame de sangue rotineiro.

O tratamento medicamentoso é feito em hospitais sob rigoroso acompanhamento médico uma vez que os remédios utilizados apresentam uma série de indesejáveis efeitos colaterais. Vale ressaltar que a medicamentação é eficaz na fase aguda da doença, onde temos o vírus apenas circulando pelo sangue. Na fase crônica o foco de tratamento são as complicações geradas pelo parasita.

Documentário Sobre a Doença de Chagas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *