Home / Informações / Tudo que Você Precisa Saber Antes de Criar um Trinca-ferro

Tudo que Você Precisa Saber Antes de Criar um Trinca-ferro

Além de gatos, cachorros, papagaios e roedores, os pássaros também são comuns como animais de estimação. 

Claro que antes de qualquer coisa, a pessoa precisa ter certeza se realmente quer criar um bicho, afinal de contas, é uma grande responsabilidade. Você é quem será o responsável por todo o cuidado do pet, da alimentação até sua saúde. Ter um bicho de estimação não é brincadeira. Então pense bem antes de dar um passo desses. Não vá pegar um pássaro e depois decidir que simplesmente não quer mais. Assim como os humanos, eles também têm sentimentos e se apegam aos donos. 

Recomendações dadas, vamos a explicações de como criar um trinca-ferro. 

Criar um Trinca-ferro
Criar um Trinca-ferro

Como criar um trinca ferro

Basicamente, existem duas formas de criar o trinca-ferro. Uma delas é por meio do sistema de reprodução monogâmica, onde um casal reproduz e ambos ficam responsáveis pelo filhote. A outra é com o macho copulando com várias fêmeas. 

Por se tratar de uma ave extremamente territorialista, é preciso tomar alguns cuidados, um deles é só deixar a fêmea junto com macho na época de reprodução. Antes disso, é necessário que o criador prepare todo um “clima” para aproximar o casal. Inicialmente, deixa que ambos apenas ouçam um ao outro, seus ruídos e pios. É por meio desses barulhos que a fêmea se sentirá atraída pelo futuro parceiro. Este é o começo do namoro. 

Local ideal para criação e reprodução

Além desse preparo antes da cópula, o local onde a gaiola será colocada também é importante para a qualidade de vida da criatura. Coloque o casal em uma área arejada e clara. Nunca nos cantos retos ou das paredes. Essas regiões da casa acumulam penas, poeira e resto de alimentos, prejudicando não só a saúde dos indivíduos, como seu processo de reprodução. 

O período de procriação normalmente acontece entre agosto a novembro. Durante esse tempo, a fêmea dá sinais de que está pronta para procriar, isso ocorre por meio de pios. 

Por ano, a trinca-ferro faz duas posturas, com dois a três ovos, em cada uma delas. Estes serão incubados durante 13 dias. 

Os bebês podem ser tirados do cuidado da mãe após 35 dias do seu nascimento. Mas assim que isso for feito, é necessário ter cuidado redobrado com a alimentação dele. E este que garantirá um futuro saudável ao mini trinca-ferro. Os filhotes alcançam a maturidade sexual com um ano. 

Criar um Trinca-ferro
Criar um Trinca-ferro

E lembra que comentamos que existem duas formas de reproduzir a ave? No caso do casal monogâmico, é preciso ficar atento a um detalhe: nem todos os machos ajudarão a mãe a cuidar do bebê, talvez redobrando a atenção que mãe e filho devem ter do criador. Por outro lado, o inverso pode acontece, da fêmea não deixar o pai ajudar na criação. Tudo isso tem que ser pensado pelo dono, só assim ele será capaz de garantir o bem-estar dos animais. 

Outro fator de relevância é o ninho. Para chocar os ovos, a trinca-ferro precisa de um lugar ideal para fazer isso. Portanto, você pode comprar um pronto e colocar na gaiola ou viveiro. Estes costumam ser feitos de bucha ou sisal, com um diâmetro de 11 centímetros e 6 de profundidade. Além disso, forneça a fêmea mais material para ela melhorar o recipiente e deixá-lo mais ao “seu gosto”, como sisal cortado, raízes secas ou fibras de folha de coqueiro. 

Como ela fará isso, vai depender de mãe para mãe, algumas deixam poucos objetos dentro da área, já outras gostam de colocar bastante vegetal, mas sempre dê essa opção para ela. 

E mesmo fornecendo todos os itens necessário, pode ser que a espécie não apresente vontade de procriar, ou ainda ovos vazios ou algum tipo de doença, mas isso é fácil de resolver. Basta comprar vítima E, que é encontrada em qualquer loja de animais. 

Sobre o trinca-ferro 

O trinca-ferro, chamado cientificamente de Saltator Similis pertence à família Thraupidae e em inglês é conhecido como Green-winged Saltator. Também ganhou outras nomenclaturas como bico-de-ferro, pipirão, estevo, papa-banana, tia-chica e muitos outros. 

É possível ver um grande número desses bichos por aí, isso porque ele é muito apreciado como animal de estimação entre os brasileiros. Na natureza, ele é visto da Bahia ao Rio Grande Sul. Só não é observado no norte do país. 

Por causa da sua enorme população, ele foi separado em 8 grupos de pássaros “Saltator”, mas todos são basicamente iguais.

Gosta de habitar beira da mata, baixada e até montanhas.

A ave exibe um corpo em tom de verde-oliva. Sua cabeça é acinzentada com um garganta mais clara. Já o peito e o abdômen é cinza-esverdeado.

Mede cerca de 29 centímetros de comprimento e pesa até 50 gramas. Não apresenta dimorfismo sexual. O único traço que “separa” o macho da fêmea é o canto, é por meio deste que se sabe o seu sexo. Aliás, essa característica acaba deixando os bichos mais vulneráveis aos caçadores. Este também é usado para afastar outros machos intrusos do seu ambiente, já que é muito territorialista, como já dito. O som muda um pouco conforme a região onde a criatura vive. 

Criar um Trinca-ferro
Criar um Trinca-ferro

Leva o nome de trinca-ferro por causa do seu bico que é muito forte. 

Sua alimentação é composta de insetos – sendo a única comida consumida pelos bebês -, frutas, folhas e flores – como ipê -, e quando estão em casal, é o macho que procura comida para a fêmea. 

Existem duas subespécies reconhecidas: Saltator Similis Similis e Saltator Similis ochraceiventris. A primeira ocorre do leste da Bolívia até a Bahia e no sul do Brasil, assim como no Uruguai, Paraguai e nordeste da Argentina. Já o segundo é visto no sudeste brasileiro, como no sul de São Paulo até o Rio Grande do Sul. 

Como dito no começo desse texto, não esqueça de pensar bem antes de pegar esse pássaro ou qualquer outro animal para criar. Eles demandam tempo e dinheiro. Você precisa saber se está pronto para isso antes de tomar uma decisão. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *