Home / Informações / Tartaruga de Couro ou Gigante: A Maior Tartaruga do Mundo

Tartaruga de Couro ou Gigante: A Maior Tartaruga do Mundo

Sendo uma das maiores tartarugas, as tartarugas de couro também conhecidas por tartarugas gigantes ou por seu nome científico Dermochelys coriacea, possuem várias peculiaridades.   Dessa forma, para saber maiores detalhes sobre esse animal lindo, vamos te mostrar várias curiosidade e características sobre elas. Ter conhecimento sobre esses animais é essencial para sua preservação. Portando, ficar atento as necessidades e cuidados que esses bichos precisam ter na natureza, pode ajudar bastante.

Atualmente sabemos que esse animal está correndo bastante perigo, principalmente pelas atividades dos homens nos oceanos. Além disso, a influência humana no ambiente como um todo, pode acabar gerando maiores danos a esses animais, como poderá ser visto mais adiante. Sem maiores delongas, vamos embarcar juntos nas curiosidades desse animal que pode estar no nosso mundo há muitos séculos.

Características da Tartaruga de Couro

Uma das principais características, e uma das mais notáveis é que esse animal é muito grande. Seu tamanho pode chegar a 2,50 metros de comprimento. Outro detalhe bastante importante também interligado com o tamanho, é o peso desse animal, o peso da tartaruga de couro pode chegar até 700 kg. Também é preciso mencionar sobre a as enormes nadadeiras que possuem na parte da frente do seu corpo, elas possibilitam que as tartarugas consigam alcançar grandes velocidades e percorres enormes distâncias. Suas nadadeiras possibilitam que percorram pelo Oceano Pacífico, Índigo, Atlântico podendo ir até o Círculo Polar Ártico. Já quando estão em terra, esses animais se locomovem lentamente.

Seu habitat são nos oceanos tropicais e temperados ao redor de todo o mundo, sempre vivem no alto-mar, elas só se aproximam das praias na época das desovas. No Brasil, as praias preferidas para a desova dessas tartarugas são as do litoral do Espirito Santo. Mas, também pode ocorrer em outras praias como Bahia, Piauí, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Tartaruga de Couro 
Tartaruga de Couro

Esse animal conta com uma carapaça muito macia, fina e resistente, por isso que recebe o nome de tartaruga de couro, elas são formadas por um estrutura óssea reduzida, lembrando estrelas intercaladas. Além disso, esse animal também apresenta sete quilhas no decorrer de seu casco. Quanto a cor, ela é bastante escura, quase negra e também conta com umas marquinhas brancas e azuis. A cabeça desse animal é parcialmente retrátil e suas garras são reduzidas em comparação com as demais. Assim como as demais tartarugas, essas não possuem a carapaça com escamas queratinizadas, o que de fato é existente na maioria desses animais.

E já que estamos falando em alimentação, a alimentação desses animais são compostas basicamente por  zooplâncton, celenterados e salpas. Podemos elencar também os animais com a consistência gelatinosa.

A reprodução das tartarugas ocorre entre os meses de setembro e janeiro. Essa reprodução ocorre a cada dois ou três anos. No momento de reprodução, a desova pode ocorrer de cinco a sete vezes. Nessa desova, são gerados cerca de 100 ovos, porém, cerca de 80 conseguem eclodir.

Os maiores predadores desses animais são os tubarões e as baleias. Mas elas correm muito mais riscos devido as ações dos homens.

Curiosidades Sobre a Tartaruga de Couro

Uma curiosidade bastante intrigante sobre as tartarugas de couro é que a definição dos sexo dos filhotes é feita através da temperatura. Isso quer dizer que não é a toa a preocupação dos ambientalistas quando falamos em aquecimento global. Ou seja, as alterações climáticas poderão influenciar bastante nesses bichinhos.

Outro fato sobre essa tartaruga é que ela está em extinção. Por tanta poluição nos mares, esses animais acabam confundido os animais que se alimentam com os lixos jogados nos oceanos. Dessa forma acabam comendo plásticos, latas, metais, borrachas, entre tantas outras porcarias que são lançadas ao mar.

Mais uma curiosidade sobre as tartarugas é ela consegue manter sua temperatura corporal através do seu metabolismo, sendo considerada um animal com taxa metabólica três vezes maior que o esperado para o seu tamanho.

Tartaruga de Couro Características
Tartaruga de Couro Características

Mais um fato intrigante sobre esses animais, especificamente sobre os machos, é que eles só pisam em terra firme uma vez na vida, quando nascem. Após entrar no mar, permanecem até o final de sua vida. Apenas as fêmeas que voltam as praias nos momentos de desova.

Esses animais conseguem mergulhar em uma profundidade de até 1000 metros. Isso porque em seu organismo possuem  óleos que ajudam na proteção no momento da descompressão.

Muito se fala também sobre a boca da tartaruga de couro. Já foi eleita como a boca mais assustadora da natureza. Esse fato se da pela quantidade gigantesca de dentes no interior de sua boca, de vários tamanhos e desordenados, além disso, essa quantidades de dentes se estende até o esôfago do animal. O fato se deve a sua evolução natural, pois, quando estão em seu estado de movimentação comum, conseguem ficar bem lentas, dessa forma, as águas-vivas, que são sua principal fonte de alimento, não conseguem escapar de sua abocanhada. É por essa característica de dentes tão peculiar, que a tartaruga de couro está entre uma das bocas mais assustadoras do reino animal.

Tartaruga de Couro Filhotes
Tartaruga de Couro Filhotes

Existe um programa totalmente voltado para as tartarugas, é o projeto TAMAR. Com a missão de recuperação, pesquisa, conservação e inclusão, esse projeto é de fundamental importância para que esses animais não sejam extintos.

Um grande curiosidade sobre esses animais é que eles vivem muitos anos. Em média, uma tartaruga de couro pode chegar a viver de 200 a 300 anos.

Outra curiosidade é que uma das maiores tartarugas dessa espécie chegou a pesar 916 quilos.

Esses animais centenários, e que vivem no nosso planeta há centenas de anos, podem nos mostrar de formas obvias como as ações humanas acabam interferindo na vida da natureza. Portanto, estar ciente de tudo que fazemos de forma prejudicial ao habitat dos animais, diretamente irá atingir sua forma de reprodução e até mesmo a evolução da sua espécie é essencial para começar uma conscientização. Nesse caso especificamente, das tartarugas de couro, é preciso ter cuidado com os lixo jogados nos oceanos, pois esses, além de causar uma poluição sem precedentes, poderá por levar esses animais tão extraordinários e curiosos a extinção.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.