Home / Informações / Quelea de Cabeça Vermelha

Quelea de Cabeça Vermelha

 

Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Passeriformes
Família: Ploceidae
Gênero: Quelea
Espécie: Quelea erythrops

Quelea de Cabeça Vermelha
Quelea de Cabeça Vermelha

De origem africana, a Quelea de Cabeça Vermelha pesa cerca de 20 gramas (o macho pode ter de 18 a 26 gramas, enquanto a fêmea consegue pesar de 15 a 22 gramas). A sua característica mais distinta é a cabeça avermelhada. O bico desta ave de dorso escuro é castanho e a região da garganta possui um tom alaranjado. As patas são rosadas e os olhos são castanhos.

Os machos e as fêmeas são muito semelhantes. Geralmente, os machos têm um vermelho mais vibrante. Presentes de forma abundante, essa ave não corre risco de extinção. Encontrados também em áreas agrícolas, os Quelea erythrops, em algumas regiões africanas, são encarados como pragas, pois podem se alimentar de algumas plantações.

Alimentação

Quelea de Cabeça Vermelha Alimentação
Quelea de Cabeça Vermelha Alimentação

A Quelea de Cabeça Vermelha recolhe os alimentos do chão, mas também pode ser visto nas copas das árvores a procura de comida. Gosta de se alimentar no chão comendo sementes e insetos que encontra no caminho.

Em cativeiro, a alimentação do Quelea é composta basicamente por sementes. É possível também fazer uma mistura de grãos, especialmente arroz com casca, milho moído, aveia descascada, girassol e linhaça. Outros alimentos que agradam essas aves são as verduras, como couve, almeirão, agrião e mostarda.

Reprodução

Quelea de Cabeça Vermelha Reprodução
Quelea de Cabeça Vermelha Reprodução

Com cerca de 10 meses de idade, a fêmea de Quelea erythrops já está pronta para o acasalamento, porém é interessante esperar até que ela tenha pelo menos um ano de vida. No período de reprodução desses pássaros, que ocorre durante a primavera e o verão, eles costumam fornecer larvas para ajudar na criação dos filhotes.

Nessa época, o Quelea emite um canto bastante forte e completo. Entretanto, quando não estão em fase de reprodução, o canto não é completo, sendo chamado de “meia voz”. O ninho do Quelea é uma cúpula firmemente tecida com uma entrada lateral, construída das tiras muito estreitas de grama. A espécie realiza de duas a quatro ninhadas por temporada, botando cerca de dois a três ovos em cada uma. A incubação dos ovos dura 13 dias. As crias podem ser separadas da mãe a partir dos 35 dias de idade e há relatos de que o tempo de vida pode chegar a mais de 15 anos em cativeiro e bem cuidado.

Pássaro Encrenqueiro

Os agricultores de subsistência na África subsaariana sempre estiveram à mercê do voraz pássaro Quelea de Cabeça Vermelha a anos. Os rebanhos do “gafanhoto emplumado”, como é chamado em algumas regiões, têm dizimado campos agrícolas em todo o continente africano.

Segundo especialistas, as aves costumam aparecer em números grandes, o que os torna uma ameaça constante para as plantações de trigo, cevada, milho e arroz. A ave Quelea média come cerca de 10 gramas de grãos por dia, cerca de metade do seu peso corporal. Dessa forma, um rebanho de 1.000 aves pode devorar até 10 toneladas de grãos em um único dia.

Com uma população reprodutora estimada de pelo menos 1,5 bilhão, a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) estima que as perdas agrícolas atribuídas à Quelea chegam a US$ 50 milhões por ano.

As populações de Quelea erythrops são notoriamente robustas. Milhões de aves são mortas a cada ano, mas reduzir o número deles é altamente problemático, pois essas aves são altamente móveis, rápidos e têm poucos predadores naturais. Vale lembrar também que um casal de aves Quelea pode produzir até nove filhos por ano.

Quelea de Cabeça Vermelha Localização
Quelea de Cabeça Vermelha Localização

Os pássaros são capazes de migrar a longas distâncias e habitam uma extensão que territorial que cobre mais de 10 milhões de quilômetros quadrados de regiões semi-áridas, arbustas, pradarias e savanas da África. O Quelea é considerado uma praga em muitos países africanos; da África do Sul a países como Tanzânia, Quênia e Etiópia, e todo o caminho através do Sahel para a Mauritânia.

A agricultura intensiva e o aumento da produção de cereais em todo o continente resultaram numa explosão populacional. De acordo com algumas estimativas, populações de Quelea têm aumentado em determinados lugares de 10 a 100 vezes desde a década de 1970.

Desde o início de 2009, agências humanitárias na África relataram enxames de Quelea de Cabeça Vermelha, o que impactou diretamente a segurança alimentar no Quênia, no Zimbabwe, no Malawi, na Tanzânia, em Moçambique e na Namíbia.

Quelea erythrops
Quelea erythrops

A maneira mais comum de controlar a praga tem sido por pulverização em grande escala nas áreas infestadas, geralmente utilizando um produto químico chamado Fenthion, também conhecido como “quelea-tox”. Outra forma de controle populacional adota em algumas regiões tem sido a bombas ou dinamite. Em certas áreas, agricultores chegaram a usar lança-chamas, mas com pouco sucesso.

De acordo com o Instituto de Recursos Naturais do Reino Unido, cerca de 170 operações de controle são executadas na África do Sul a cada ano, matando 50 milhões de aves em média. Mas, de acordo com a Encyclopaedia of Pest Management, apesar da destruição anual de milhões de Queleas por uso de pesticidas, os danos continuaram a aumentar anualmente. Além de ser apenas marginalmente eficaz, os métodos de controle modernos, muitas vezes, acarretavam em graves consequências ambientais negativas.

Uma alternativa

A maioria dos pequenos agricultores não tem acesso a aviões, combustíveis, produtos químicos, dinamite ou lança-chamas e, em vez disso, passaram a adotar métodos tradicionais que são mais eficazes e certamente mais ecológicos, mas extremamente demorados.

Quelea Pássaro Africano
Quelea Pássaro Africano

A maneira tradicional de controle é “assustar” as aves. As pessoas vão para os campos quando sua safra de grãos está vulnerável e utilizam ferramentas para bater mas folhas e fazer barulho, espantando os pássaros.

Curiosidades

  • O macho e a fêmea do Quelea de Cabeça Vermelha cantam, tendo aproximadamente 12 assobios que são fortes, lentos e consecutivos.
  • Podem ser avistados aos pares, mas também podem ser encontrados muitas vezes em bandos de mais de 1.000 unidades. Pequenos grupos também podem juntar-se a bandos de espécies misturadas de Queleas.
  • Quando mansa, a ave Quelea pode comer até na mão do homem.
  • Esta espécie é migratória e pode chegar a percorrer 475 km.

Fotos de Quelea de Cabeça Vermelha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *