Home / Informações / Papagaio do Mangue

Papagaio do Mangue

O papagaio do mangue é uma interessante ave que habita toda a América do Sul. Logo abaixo foram selecionadas as suas principais características. Vejamos!

Classificação da espécie

Reino: Animalia, Filo: Chordata, Subfilo: Vertebrata, Classe: Aves, Ordem Psittaciformes, Família: Psittacidae, Gênero: Amazona

Nome Científico: Amazona amazonica.

Papagaio do Mangue
Papagaio do Mangue

Características gerais

O papagaio do mangue é também conhecido como curica”, papagaio grego, curau e aiuru curuca. Possui um comprimento de 31 a 34 cm e peso 300g. É uma espécie gregária que vive em grandes bandos. Sua plumagem é predominantemente verde, sendo mais pálido nas partes inferiores. Apresenta as partes frontais das bochechas e da coroa amarelas, com a parte posterior da bochecha verde. A região dos olhos é azul violeta. Uma das características principais dessa espécie é a presença da coloração laranja em parte da asa, ao invés de vermelha. Não apresenta dimorfismo sexual.

Prefere como habitat áreas arborizadas ao redor de rios e lagos. Durante o dia é visto geralmente em pares que voam sobre as copas de árvores altas, onde forrageiam frutas e sementes. Ao anoitecer voa para poleiros comunitários, com até mais de seiscentos pássaros juntos. Sua dieta natural constitui-se de sementes, frutas, baga, flores e nozes.

Papagaio do Mangue Características
Papagaio do Mangue Características

Localização

Esta espécie distribui-se amplamente na América do Sul, principalmente no leste dos Andes, da Colômbia até o sudeste do Brasil. Ocorre no Vale de Magdalena e na região que vai do Rio Sinu até a região de Santa Marta ao norte e ao longo do leste e sul da Colômbia, pelo leste do Equador, leste do Peru e Bolívia em Beni, Cochabamba e Santa Cruz. É encontrado por toda a Venezuela, exceto em Zulia e Mérida, e é difundido nas Guianas, Suriname e em Trinidad e Tobago. No Brasil, a espécie é encontrada na Bacia Amazônica, Amazonas, Mato Grosso, mas é ausente no sudoeste do pantanal, Pará, Goiás, Maranhão, Piauí, Bahia, Espírito Santo, norte do Rio de Janeiro, noroeste de São Paulo e norte do Paraná.

Papagaio do Mangue Habitat
Papagaio do Mangue Habitat

Hábitos do Papagaio do Mangue

O papagaio do mangue voa para as ilhas cobertas de mata para pernoitar e, provavelmente, nidificar (formas ninhos) quando as ilhas são mais seguras contra a predação humana do que o continente próximo.

Reprodução

A época reprodutiva é nas estações da primavera e verão, a fêmea põe de 2 a 4 ovos e o tempo de incubação é de 24 a 28 dias, o ninho é feito em troncos ocos de palmeiras e outras árvores.

Papagaio do Mangue Reprodução
Papagaio do Mangue Reprodução

Alimentação do Papagaio do Mangue

O papagaio do mangue alimenta-se de frutos, grãos, sementes e folhagens. Come as frutas de certas espécies de plantas dos manguezais, chegando a nidificar nos troncos maiores. É necessário lembrar que a água é o mais importante alimento, e que deve ser ofertada sempre e com boa qualidade.

Alimentação no cativeiro

Dentro do cativeiro são oferecidos, além da ração comercial, frutos, sementes e vegetais.

Papagaio do Mangue Alimentação
Papagaio do Mangue Alimentação

Tempo de vida

O papagaio vive até 80 anos. Com frequência é confundido com o papagaio verdadeiro, porém é menor e não tão falante quanto este.

Curiosidades

Infelizmente, o papagaio do mangue sofre com a destruição de habitat e a captura ilegal destinada ao tráfico de animais e é a segunda espécie mais capturada. Essas aves são muito procuradas como animais de estimação, pois são inteligentes e perceptivas, além de possuírem uma grande habilidade na arte de repetir palavras. Este papagaio é uma ave costeira, e por isso provavelmente foi a primeira espécie avistada pelos portugueses no Brasil.

Papagaio verdadeiro

O papagaio do mangue é muito confundido com o papagaio verdadeiro, este tem como característica principal a presença de plumagem azul na testa, por isso o mesmo é também chamado de papagaio de fronte azul. Essa espécie varia muito de uma ave para outra, tanto no padrão de cores, distribuição como no tamanho das manchas azuis e das manchas amarelas na cabeça.

Subespécies

O papagaio verdadeiro possui duas variedades ou subespécies, são elas: o papagaio verdadeiro comum (Amazona aestiva aestiva) e o papagaio verdadeiro do chaco (Amazona aestiva xanthopteryx). Estas duas variedades se diferenciam basicamente pela coloração e porte, sendo que o papagaio verdadeiro do chaco é ligeiramente maior e possui mais quantidade de amarelo na cabeça e principalmente nas asas.

Papagaio Verdadeiro
Papagaio Verdadeiro

Preço

O papagaio do mangue pode ser criado em cativeiro, porém deverá ter uma licença do IBAMA. Caso queira possuir essa ave deverá desembolsar 2.700 reais. No site Criadouro Pedra Branca uma loja especializada do ramo há várias aves disponíveis. Acesse aqui e escolha!

Cuidados básicos para cuidar de um Papagaio

O papagaio do mangue e o verdadeiro são os mais procurados pelos apreciadores de aves. De acordo com os profissionais especializados, o local ideal para instalar a nova morada é o que combina sol e sombra. Para a água fresca arrume um bebedouro de barro ou alumínio. No fundo da gaiola vai bem um forro de papel, que tem que ser trocado todos os dias, não é recomendado o uso de jornal porque a tinta é tóxica.

O poleiro é item obrigatório, dê preferência ao de madeira, porque o de plástico não é tão firme e faz os pés escorregarem e isso pode ocasionar uma artrite. Para alegrá-los deixe por perto brinquedos de madeira ou sisal e evite panos e cordas, pois a ave pode se enroscar e se ferir.

Quando a casa tem crianças o papagaio será com certeza uma super atração. Mas é bom ficar de olho quando elas se aproximarem com o intuito de brincar, pois a meninada acaba por vezes machucando a ave e aí ela se defende com agressividade. O risco de o papagaio transmitir alguma doença também existe, mas pode ser afastado facilmente se a pessoa lavar bem as mãos depois de manusear o animal. Recomenda-se levá-lo uma vez por ano a um veterinário especializado para uma avaliação clínica e exames. Os problemas de saúde mais comuns que o papagaio tem são a pneumonia, sinusite, distúrbios de fígado, conjuntivite, muitos destes males são ocasionados pela carência nutricional.

Fotos do Papagaio do Mangue

E aí, gostou desse artigo sobre o papagaio do mangue? Sugiro que você deixe sua opinião, sugestão ou exponha alguma dúvida logo abaixo, nós com certeza leremos todos os comentários e responderemos. Saiba também que aqui no blog todo o dia tem conteúdo atualizado sobre o mundo animal. Se quiser receber artigos exclusivos no seu e-mail como este post, é só se inscrever em um campo que fica à sua direita na tela. Posso lhe pedir uma última coisa? Compartilhe esse conteúdo com os seus amigos! Combinado?

Aproveite! Até breve!

2 comentários

  1. Muito boa a matéria, mas queria ver fotos das subespécies.

  2. Maria Rosimar castelo

    Muito legal gostaria de saber se estes papagaios do mangue falam ou canto e se falam com quantos anos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *