Home / Informações / Orangotango De Sumatra: Nome Científico e Reprodução

Orangotango De Sumatra: Nome Científico e Reprodução

Existem duas espécies dos primatas sobreviventes até então orangotangos. As duas espécies têm os mesmos nomes das ilhas que habitam.

O orangotango de Sumatra, espécie de primata que vamos abordar neste texto, habitante das florestas tropicais e pântanos da ilha de Sumatra, na Indonésia, na Ásia e o orangotango de Bornéu, habitante das florestas tropicais e pântanos da ilha de Bornéu, na Indonésia, também na Ásia.

Nome científico: Pongo abelii

Orangotango De Sumatra
Orangotango De Sumatra

Orangotango De Sumatra: Sobrevivência Na Natureza

Curiosamente os orangotangos são os únicos primatas habitantes da região da Ásia, todos os outros, como os chimpanzés e os gorilas, como conhecidamente, são da África.

Infelizmente atualmente pela irresponsabilidade do homem na natureza, ambas as espécies de orangotangos estão criticamente ameaçadas de extinção. O orangotango de Sumatra consideravelmente mais comparado ao orangotango de Bornéu. Antigamente eram habitantes de toda a ilha de Sumatra, mas atualmente sua população de cerca de somente sete mil sobreviventes é concentrada ao norte da ilha.

O desmatamento do seu habitat pelo homem têm diversos fins, como o principal deles, a construção de plantações, especialmente para a extração do óleo de palma, produto final especificamente rico na região. Outra ação humana que levou a espécie de orangotango a ser classificada como ameaçada de extinção é a sua caça. As fêmeas mães são caracteristicamente as maiores vítimas dos caçadores. Isto porque com a morte da mãe, fica mais fácil a caça do seu ou dos seus filhotes. O fim principal da caça a filhotes é a comercialização e a domesticação, que afinal é ilegal, assim como no Brasil, destes animais silvestres.

Vida Necessária Em Cativeiro Do Orangotango De Sumatra

Por esta realidade, na ilha de Sumatra, há espécies de organizações com o fim de preservar os sobreviventes da espécie. Nestas organizações a principal população são de filhotes órfãos de suas mães que foram vítimas de caças humanas, de morte natural, que geralmente se dá dos cinquenta aos sessenta anos, que é a sua expectativa de vida, ou de predadores na natureza. Além de preservar a espécie, mais um motivo é responsável por tanta dedicação por parte dos tratadores, que acabam sendo substitutos de suas mães. É que os orangotangos são animais extremamente dependentes até um longo período de vida, cerca de oito anos de idade para os machos e sete anos de idade para as fêmeas, mesmo período que atingem a maturidade sexual e têm a capacidade de se reproduzirem.

Orangotango De Sumatra Filhote
Orangotango De Sumatra Filhote

Esta fase de dependência vai muito além do período de amamentação, que também é característicamente longo, até aproximadamente os três anos de idade. Os orangotangos aprendem literalmente tudo através do seu vínculo forte com a mãe. Através da observação e repetição de seus comportamentos. Desde a construir seu ninho para descansos durante a tarde e para dormir durante a noite em árvores até a sua alimentação, como a caçar, a descascar uma fruta, ou conseguir retirar as sementes das mesmas ou escalar árvores e pular de galho em galho garantindo a sua segurança diante da altura ou diante de predadores.

Um fato curioso e fofo é que quando convivem juntos em cativeiro nestes centros de preservação da espécie, acabam criando um vínculo muito forte e quando são reintroduzidos na natureza, continuam a convivência, o que lhes aumenta a chance de sobrevivência. Mas este não é um caso isolado, por serem uma população sobrevivente de uma mesma região, acabam convivendo entre si sem muita competição ou territorialidade, o que facilita o aprendizado dos filhotes com outros orangotangos para poderem observar tão de perto e repetirem seus comportamentos.

Mamíferos Com O Tempo Reprodutivo Mais Longo

Como o imaginado sobre o apresentado até aqui, os orangotangos de Sumatra são mamíferos arborícolas.

Quanto a ser mamíferos, são os mamíferos que têm o seu período reprodutivo mais longo atrás somente de nós seres humanos, a sua amamentação dura cerca de até os três anos de idade e seu período de dependência para a sua capacidade de sobreviver sozinho na natureza sem a mãe, até os oito anos de vida, como já citado anteriormente.

Ainda sobre a sua reprodução, esta é mais uma característica que acaba contribuindo para a sua ameaça de extinção, pois estes oito anos de dependência é o mesmo tempo de intervalo de uma reprodução para outra.

Pongo Abelii
Pongo Abelii

Afinal, imagina o quanto seria difícil sobreviver na natureza selvagem, cuidar dos seus filhotes dependentes e ainda ter que dar conta de mais uma gestação, tudo de uma vez só. Mas não é só isso, quando reproduzem normalmente dão a luz a somente um filhote, é considerado raro quando dois.

Então imagine só, uma reprodução de oito em oito anos, com a geração de somente um filhote, considerando que a sua expectativa de vida é de cinquenta a sessenta anos, são cerca de sete reproduções por fêmea dentre os machos e fêmeas dos sete mil sobreviventes competindo com o desmatamento do homem na natureza.

Maiores Arborícolas

Há quem acredite que os orangotangos de Sumatra estarão extintos dentre algumas poucas décadas, mas certamente tais organizações citadas são importantíssimas para a preservação de sua espécie. Sobre ser um animal arborícula lhe trás muita vantagem, como não ter que lidar com o solo completamente formado por lama molhada, característico do pântano e por estas árvores que passam a maior parte do seu tempo escalando, se pendurando, pulando de galho em galho ou somente descansando ou dormindo em seus ninhos.

Orangotango De Sumatra Características
Orangotango De Sumatra Características

Por estas árvores serem tão altas consequentemente naturalmente acabam estando seguros de seus predadores, os tigres. Os tigres e outros animais, como espécies de macacos menores, rinocerontes e elefantes também habitantes da ilha de Sumatra estão ameaçados de extinção. O que é natural, quando o habitat de um animal é destruído, consequentemente a sobrevivência da sua espécie é colocada em risco.

No caso dos orangotangos de Sumatra as árvores são imprescindíveis para a sua sobrevivência, que também têm a fonte de sua alimentação, como folhas, cascas, ovos de pássaros, insetos, pequenos vertebrados e principalmente frutos, como as muitas frutas e sementes. Também são das árvores que retiram os materiais para a construção de seus ninhos que lhe garantem conforto, que são feitos especialmente de galhos, além de folhas e cascas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *