Home / Informações / Jacaré: Qual É O Tamanho E Quanto Tempo Vive?

Jacaré: Qual É O Tamanho E Quanto Tempo Vive?

Certamente você já deve ter visto um jacaré, mesmo que de longe por meio de fotos na internet. Mas você conhece de fato este animal? Suas particularidades e outras curiosidades? Provavelmente a resposta para essa pergunta é não. Embora muitos de nós já tenhamos visto um jacaré, este animal não é assim tão familiar. Hoje apresentaremos para você todas as informações sobre o curioso e diferente animal jacaré.

Eu Acho Que Vi Um Jacaré

O jacaré é um réptil. Pertence a classe dos reptilia, da ordem crocodylia e da familia Alligatoridae. São animais que impõe medo a quem ouse ter o azar de encontrá-lo. Curiosamente, e pouca gente sabe disso, estão presentes apenas nas Américas, tendo sido extintos da Europa durante o Plioceno. O Plioceno é um período histórico que segundo pesquisadores teria sido entre dois e cinco milhões de anos atrás. Com a ausência na Europa os jacarés estão presentes apenas na América do Sul massivamente e na América do Norte são encontrados animais apenas do gênero Alligator.

Jacaré 
Jacaré

Quem vê um jacaré pode facilmente confundi-lo com um crocodilo visto que são animais parecidos. As pequenas diferenças se concentram em sua cabeça. O jacaré por sua vez apresenta uma cabeça mais curta que a do crocodilo e mais larga.

Outra pequena diferença entre estes animais é que o jacaré, ao contrário do crocodilo apresenta membranas nos polegares das patas traseiras. Estas membranas são interdigitais. Uma outra curiosidade interessantíssima é que quando os jacarés fecham a boca os dentes não ficam ligeiramente a mostra como ocorre com os crocodilos, sendo esta uma diferença marcante entre ambos.

O Jacaré No Brasil

Em nosso país podemos encontrar seis espécies diferentes de jacaré, são elas: caiman crocodilus, caiman yacare, papeosuchus palpebrosus, paleosuchus trigonatus, melanosuchus niger e o caiman latirostris. Dentre estas seis espécies as mais comuns que acabam se destacando são o jacaré de papo amarelo (caiman latirostris) e também o melanosuchus niger (o jacaré açu).

Antes de conhecermos um pouco mais cada uma destas espécies em especial, vamos apresentar a você um pouco das características gerais deste animal.

Conhecendo O Jacaré

O jacaré é um excelente nadador, mas a forma como este animal nada é curiosa. Ele ondula lateralmente o corpo e também a sua cauda. Por meio terrestre também é considerado um animal rápido andando com a barriga levantada do chão sob as suas patas.

Em média podem chegar a medir mais de seis metros ficando em torno de seis metros e meio mas este tamanho é bem variável e depende da espécie. O jacaré anão, por exemplo, pode atingir apenas cerca de um metro e vinte centímetros.

Seus habitats são lagoas, lagos e pântanos. Possuem uma longevidade considerável podendo chegar aos cem anos, ficando média entre oitenta e cem anos.

A postura dos seus ovos é feita sempre próximo a água, nas margens de rios e lagos em meio as folhagens e gravetos. A quantidade de ovos colocados depende do tamanho da fêmea a colocá-los tão como sua genética, idade e estado em que se encontra nutricionalmente. A média é de trinta ovos por postura, podendo a fêmea colocar entre vinte ou até mesmo quarenta ovos.

Curiosamente o sexo dos jacarés que nascerão depende da temperatura com a qual os ovos são incubados. Esta temperatura em que os ovos são incubados não vem da mamãe jacaré que se afasta dos ovos depois de colocá-los mas da radiação solar e também da decomposição vegetal sobre os mesmos. Para que novos filhotes venham ao mundo os ovos demoram cerca de setenta dias para eclodirem.

O Jacaré De Papo Amarelo

É o jacaré mais comum em nosso país e a sua densidade geográfica é expressiva. Pode atingir cerca de três metros de comprimento e como o seu próprio nome sugere tem o papo e todo o ventre na cor amarelada. São considerados animais de porte médio e são nativos da Argentina, da Bolívia, do Uruguai, do Paraguai e também do Brasil.

Em nosso país são mais frequentes no Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, no Paraná e estendem-se também até as regiões pantanosas do Paraná. Se alimentam majoritariamente de peixes, caranguejos, caramujos, aves e pequenos mamíferos. O seu estado de conservação apresenta risco mínimo de extinção.

Jacaré do Papo Amarelo
Jacaré do Papo Amarelo

O Jacaré Açu

Quando falamos que o jacaré pode chegar a atingir quase seis metros de comprimento estávamos nos referindo a ele, o jacaré açu que pode sim chegar os incríveis seis metros de comprimento e pesar mais de trezentos quilos. Está presente além do Brasil também na Bolívia, no Equador, no Peru, na Guiana e na Colômbia.

Sua alimentação se assemelha bastante com a do jacaré de papo amarelo, se alimenta de peixes, pássaros e caranguejos. Seu corpo tem a coloração negra com faixas amareladas, sendo um animal bem característico.

Esta espécie de jacaré é dependente de conservação isso acontece porque dentre as décadas de mil novecentos e cinquenta e mil novecentos e sessenta foi amplamente caçado para utilização do seu couro para a produção de bolsas e sapatos e concomitantemente para consumo de sua carne.

Foi o animal escolhido pela indústria por conta de seu comportamento mais calmo e pacífico se comparado as outras espécies de jacarés. Além da caça que diminuiu significativamente o número de animais, o que tem contribuído para o seu estado tão crítico de conservação é, assim como para as outras espécies, a poluição de rios e lagos, seus habitats naturais.

Não Existem Crocodilos No Brasil

Sim, não existem crocodilos vivendo naturalmente em nosso país, sendo possível encontrarmos apenas jacarés no Brasil. Os crocodilos fisicamente são bem diferentes dos jacarés, principalmente quando pensamos no porte deste animal. Além das diferenças citadas anteriormente, os jacarés são substancialmente menores quando comparados aos crocodilos que podem chegar a mais de oito metros de comprimento com peso estimado de uma tonelada e meia. Isso mesmo, os crocodilos de água salgada estão entre um dos maiores exemplares da espécie.

Os seus dentes que podem ser vistos com a boca fechada são longos e alinhados e sua língua possui um tipo de glândula ausente nos jacarés que é responsável por excretar o sal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *