Home / Informações / Curiosidades e Características Da Tartaruga De Aquário

Curiosidades e Características Da Tartaruga De Aquário

Os testudines também chamados de quelônios estão no planeta Terra há muitos e muitos anos. Infelizmente não há um consenso sobre a origem destes animais, mas o que se sabe é que eles existem a pelo menos duzentos e vinte milhões de anos. Isso é muito tempo, não é?

De acordo com registros e levantamentos históricos, os quelônios existem desde que à Terra ainda era composta de apenas um continente denominado Pangea. E ao contrário do que aconteceu progressivamente com todas as espécies que conhecemos ou ao menos a maioria delas pelo menos, estes animais não passaram por grandes transformações fisiológicas e/ou morfológicas ao longo dos anos. As pequenas transformações que passaram foram a adaptação de seus membros aos habitats que se encontram, a capacidade de retração do pescoço e a perda dos dentes.

Estes animais são muito conhecidos e facilmente identificados. Não importa se você é leigo ou não no assunto, os testunides são facilmente identificados por conta da presença de um carapaça e também do plastrão. Essa carapaça é resultado da mistura de sua coluna vertebral com suas costelas ligadas ao plastrão, que corresponde a parte inferior do seu casco.

O casco como conhecemos é bem resistente, coberta por pequenas placas e queratina sendo uma excelente opção de proteção contra seus predadores.

Tartaruga De Aquário
Tartaruga De Aquário

Espécies De Tartarugas E Suas Características

A família testunides é composta pelas tartarugas, pelos jabutis e também pelos cágados. Popularmente e de maneira vulgar são conhecidos apenas como tartarugas, mas há sutis diferenças entre cada um destes animais a começar por seu habitat. As tartarugas são animais aquáticos que podem habitar tanto em água doce quanto em água salgada. Os cágados são animais que vivem tanto em água quanto no meio terrestres. Os jabutis por sua vez são animais totalmente terrestres.

Há cerca de treze famílias de testunides, setenta e cinco gêneros, com um total de mais de duzentas e sessenta espécies. Disso tudo temos apenas sete tartarugas marinhas.

Apesar de poderem permanecer muito tempo embaixo da água, os répteis vêm a superfície para respirar e fazem a sua respiração por meio de um tipo de pulmão. Justamente por conta deste emergir a superfície, as tartarugas têm sofrido com o lixo encontrado, resultado do descaso humano com a natureza. Embora como comentamos, estes animais possuam habitats diferentes todos eles colocam seus ovos em terra firme.

Há quelônios que podem muito bem ser criados como animais de estimação é e sobre isso que falaremos hoje. Pelo menos este é o nosso principal foco neste post.

A Criação De Uma Tartaruga No Brasil

Para criar animais silvestres em nosso país é necessário que o mesmo seja permitido para criação em cativeiro pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, o Ibama. Caso não seja, você estará infringindo a legislação e estará cometendo crime ambiental.

No Brasil temos exatamente trinta e três espécies da família testunides. Deste total apenas duas podem ser criadas em cativeiro, ou de forma doméstica. São eles o jabuti de pés vermelhos e a tartaruga tigre d’água de nome científico Trachemys dorbigni. Também é conhecida como tartaruga-verde e amarela, animal nativo do Rio Guaíba, no Rio Grande do Sul. Desta forma, quando falamos em tartaruga de aquário estamos falando deste pequeno animal que vamos conhecer um pouco mais a seguir.

A Tartaruga Tigre D’Água Como Você Nunca Viu

Essa tartaruga pode ser encontrada tanto no Brasil como na Argentina e no Uruguai. É um animal aquático com alimentação onívora. Possui como habitat em estado natural, pântanos, lagos e riachos. Quando criada em cativeiro a mesma é criada em aquaterrários.

Durante o seu período reprodutivo a fêmea pode chegar a colocar dez ovos que serão incubados por cerca de dois a até quatro meses. Quando nascem seus filhotes possuem pouco mais de três centímetros, entretanto quando atingem a vida adulta podem chegar a mais de vinte e cinco centímetros. Fugindo costumeiramente do que acontece com a maioria das espécies, as fêmeas são maiores que os machos.

São animais que possuem uma expectativa de vida alta, podendo viver por cerca de trinta anos. Infelizmente, não raramente, são animais vítimas de captura ilegal para o tráfico de animais.

Alimentação E Metabolização De Vitaminas

Como uma espécie onívora que é a tartaruga tigre d’água se alimenta de animais e igualmente de vegetais. Para manter o seu animal saudável é fundamental que sejam oferecidas a ele frutas e legumes bem como uma ração peletizada. Alguns profissionais defendem ainda que é importante oferecer ao animal, peixes que além de fornecer vitaminas e outros nutrientes, pode levar ao enriquecimento ambiental para a tartaruga.

Caso você não queira investir no fornecimento de peixe, pode optar pela oferta de ração com gammarus que são crustáceos que dão uma boa dose de proteína para o animal.

A sua tartaruga deve receber um pouco de sol diariamente. Estudos indicam que o animal deve estar em contato com os raios solares por pelo menos quinze minutos diariamente. A exposição solar auxilia os níveis de vitamina D que consequentemente exerce um papel importante na absorção de cálcio. A carência de cálcio pode levar ao desenvolvimento de doenças ósseas como osteoporose além de raquitismo.

Comentamos anteriormente que as tartarugas são animais que embora possuam a capacidade de permanecer muito tempo embaixo da água as mesmas precisam emergir para respirar. Desta maneira, é crucial que o local onde a tartaruga esteja tenha uma área seca na qual ela tenha acesso por meio de uma rampa, onde ela poderá se aquecer e também respirar.

Docilidade E Comportamento Amigável

Essa espécie de tartaruga atrai e muito a atenção e o apreço das pessoas por conta de sua aparência colorida. Uma coisa que poucas pessoas sabem em relação ao animal, principalmente quem infelizmente não o conhece é que a tartaruga tigre d’água possui como uma forte característica a sua docilidade. Isso mesmo, são animais notadamente dóceis e muito tolerantes quanto ao manejo humano. O que permite, com que seja alimentada diretamente por nós, o que sem dúvida atrai as crianças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *