Home / Informações / Cavalo-Marinho-De-Barriga Grande: Curiosidades e Características

Cavalo-Marinho-De-Barriga Grande: Curiosidades e Características

O cavalo marinho é um animal que a maioria de nós vagamente conhece. É uma das criaturas mais curiosas e interessantes presentes nos oceanos. Hoje conheceremos uma subespécie deste animal que é pouco conhecida, tão pouco conhecida que suas características mais pertinentes ainda são desconhecidas. Mas hoje você vai conhecer tudo o que conseguimos investigar sobre esta espécie que acaba passando despercebida quando falamos sobre os cavalos marinhos, como se fossem de uma mesma espécie. Estamos a nos referir ao cavalo marinho de barriga grande que por vezes é denominado apenas como cavalo marinho de barriga. E olha, de fato a sua barriga é algo que chama atenção, principalmente nos machos.

Cavalo-Marinho-De-Barriga Grande
Cavalo-Marinho-De-Barriga Grande 

Cavalo Marinho De Barriga Grande Primeira Impressão

O cavalo marinho de barriga grande é um animal que possui um porte simplesmente impressionante, se comparado ao cavalo marinho normal. Pode chegar a mais de trinta e cinco centímetros de comprimento.

A sua barriga de fato chama atenção e no caso dos machos (que já são por si só muito particulares) ela é ainda maior.

Mas não é apenas a barriga que se difere entre os sexos, pelo contrário, com um pouco de conhecimento, distinguir o macho da fêmea é uma tarefa extremamente fácil. Os machos são os que apresentam a maior barriga, a maior diversidade de coloração, sendo bem pigmentados e até mesmo a sua cauda é diferente, sendo maior igualmente. No caso do focinho destes animais o macho possui o focinho menor e é mais robusto quando o vemos no mar em comparação com a fêmea.

Uma curiosidade interessante em relação a estes animais e isso vale tanto para os cavalos marinhos de barriga grande quanto para o cavalo marinho unicamente são péssimos nadadores e utilizam de sua cauda preênsil para se segurar em pedras e outras superfícies disponíveis no fundo do mar.

A cauda preênsil é um mecanismo preparado biologicamente para segurá-lo até mesmo em superfícies artificiais disponíveis evitando que sejam levados pela força da correnteza.

Olhos Independentes, Estratégia De Caça E Alimentação

Os cavalos marinhos desta subespécie se alimentam de pequenos crustáceos que são literalmente sugados pelo animal em um tipo de emboscada, que é como podemos definir o seu mecanismo de caça. O cavalo marinho não é um animal muito rápido nas profundezas dos oceanos, podemos até mesmo dizer que nadam praticamente em câmera lenta. Mas segundo pesquisadores o formato do seu corpo é o que o assegura sobrevivência devido a sua capacidade de movimentar a sua cabeça rapidamente em direção a sua presa. Mas calma, vamos explicar isso melhor.

Os cavalos marinhos recebem este nome por conta do formato de sua cabeça, de ser dorso e se analisarmos o seu pescoço, o formato que o mesmo possui de fato nos remete muito ao pescoço e posterior cabeça do cavalo. Tudo isso dá ao cavalo marinho um ar elegante mas juntamente as suas pequenas barbatanas (uma dorsal e duas peitorais) a sua locomoção, como mencionamos, é extremamente limitada e a velocidade que atingem é baixa. Apesar disso são bons caçadores de camarões, de acordo com um estudo realizado por pesquisadores belgas. Segundo esta pesquisa que se baseou em um vídeo gravado em ambiente natural e cálculos matemáticos complexos, percebeu-se que apesar do corpo não ser a sua melhor característica de caça estes animais utilizam de sua cauda preênsil para se fixarem e aguardam que uma presa em potencial de aproxime. Assim que esta presa passa pelo cavalo marinho ele movimenta rapidamente a sua cabeça de modo a projetá-la para frente e para cima quando finalmente realiza a sucção de seu alimento. O movimento de sua cabeça é rápido e preciso.

Além do formato de sua cabeça que o auxilia a obter o seu alimento, estes animais apresentam o que chamamos de olhos independentes. Os olhos independentes é uma característica presente no camaleão, onde os seus olhos se movimentam de maneira não veiculada entre o direito e o esquerdo. Para o cavalo marinho esta é um ajuda e tanto para poder identificar predadores em potencial que se aproximem.

Conservação Do Cavalo Marinho De Barriga Grande

Não se tem muitos dados quanto à conservação desta subespécie de cavalo marinho em específico. O que se sabe é que ao viver próximo à costa costumeiramente é acidentalmente pescado e vítima das atividades de degradação humana sobre o seu habitat.

No continente asiático costuma ser pescado para uso na medicina tradicional chinesa mas não há muitas informações sobre quais seriam os seus usos de fato. Há em todo o mundo cerca de quarenta espécies diferentes de cavalo marinhos espalhados pelos oceanos e segundo a União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN) a maioria das espécies se encontram em estado vulnerável para a extinção ou em perigo iminente.

Além da morte para uso na medicina chinesa, cruelmente são mortos e secos também para servirem como artigos decorativos e lembranças para turistas. Um mercado para lá de egoísta e cruel.

Curiosidades Sobre Os Cavalos Marinhos

Uma curiosidade interessante sobre esta espécie é que no caso do processo gestacional o mesmo ocorre no macho. Após o acasalamento a fêmea passa para o macho os ovos que ficarão em sua bolsa por cerca de vinte e oito dias.

Após este período, quando os filhotes estão prontos para nascer os machos se contraem absurdamente para expulsá-los, por assim dizer, de seu corpo.

O processo aparentemente parece ser doloroso e muito trabalhoso para o animal.

Como não possuem útero, os filhotes se desenvolvem dentro de uma estrutura chamada de cavidade folicular ou ovariana. Algo em torno de trezentos filhotes nascem por gestação e embora o número seja elevado poucos deles chegam à vida adulta, visto que são comumente consumidos por peixes maiores.

Quando nascem os filhotes possuem pouco mais de dois milímetros de comprimento mas são totalmente independentes dos seus pais.

Os cavalos marinhos são peixes ósseos. Essa categoria corresponde ao maior grupo de vertebrados em todo o mundo, tanto em número de indivíduos quanto em número de espécies distintas. Ainda sobre os cavalos marinhos algumas espécies possuem a incrível capacidade de mudarem de cor, o que os permite excelente camuflagem.

Apenas explicando o termo que utilizamos acima, os peixes ósseos, ao contrário dos cartilaginosos possuem o seu esqueleto composto por ossos, como o nosso. Os cartilaginosos possuem o esqueleto por sua vez composto por cartilagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *