Home / Informações / Características Gerais do Moluscos: Exemplos e Fotos

Características Gerais do Moluscos: Exemplos e Fotos

Como o próprio nome do filo dá a entender, o reino dos moluscos ou mollusca é composto em sua maioria por animais de corpo mole e, muitas vezes, com conchas. Além desses seus integrantes, o que torna o grupo muito conhecido é pelo número de animais que se encaixam nele. No quesito quantidade e diversidade, o reino Mollusca está atrás, apenas, dos Artrópodes. 

Nenhuma espécie desse conjunto de animais vem a cabeça? Podemos citar as lulas, polvos, mexilhões, caramujos e as lesmas como integrantes do reino dos moluscos. 

O que são os moluscos 

Como dito, os moluscos são um dos integrantes do reino animal, de corpo mole. Esse corpo pode ser tanto protegido por uma concha de calcário ou não. O nome mollusca vem do latim e pode ser traduzido como corpo mole. 

Esse é um dos reinos em que podemos encontrar uma infinidade de espécies, desde lulas gigantes de quase 30 metros, como exemplares de bivalves microscópicos com menos de um milímetro de comprimento.

Moluscos
Moluscos

Características dos moluscos 

Além do corpo, outra característica compartilhada pelos animais desse filo é que eles possuem uma simetria bilateral, o que quer dizer que o lado esquerdo e direito de seus torsos são iguais ou bem parecidos. Podem ter concha ou não, com mais de uma peça, e seus representantes são tanto marinhos, terrestres e espécies que vivem na água doce. 

Sua anatomia e fisiologia são bem complexas se comparados com animais de outros reinos. Seus corpos podem ser divididos em três partes: a cabeça, massa visceral e os pés. Em sua cabeça ficam os órgãos do sistema nervoso. A massa visceral é responsável por guardar os órgãos do sistema digestivo, excretor, reprodutor, circulatório e respiratório. 

Ainda nessa região existe uma estrutura que se assemelha bastante a um manto. Ela fica encarregada de produzir uma proteção calcária do animal, ou seja, sua concha. Em sua fase embrionária carregam características triblásticas – detém os três tipos de tecidos: mesoderme, ectoderme e endoderme – e possuem celoma. 

Assim como o reino, sua reprodução também é bem diversificada. Dentro desse grupo existem animais hermafroditas e de sexos separados. Sua fecundação pode ser tanto externa como interna, da mesma forma que o ovo pode se desenvolver indireta ou diretamente. 

Anatomia 

Apesar de possuir uma anatomia bem diversificada, os moluscos compartilham características básicas, como manto, concha (nem todos tem), rádula, gânglio cerebral, boca papo, glândula salivar, pulmão, glândula de albumina, gônadas, ducto espermático, coração, oviduto e tentáculo oculífero. 

Sistema digestivo 

Os moluscos são dotados de um sistemas digestório completo, isso é, tem boca e ânus. Também possuem esôfago, papo, intestino e estômago, além de glândulas relacionadas ao sistema digestivo. Alguns ainda contam com uma estruturas chamada de rádula, ela funciona como uma língua com vários dentículos. Sua função é raspar o alimento e levá-lo até o sistema digestivo. 

Depois que o animal ingere o alimento, ele segue para o esôfago que está ligado ao estômago. Lá, existem várias glândulas que geram enzimas digestivas em seu interior. Em seguida, a comida será levada até o intestino, que é longo com o intuito de fazer com que os nutrientes sejam absorvidos pela sistema circulatório. No fim, o que não for aproveitado será eliminado em forma de fezes. Seu sistema é predominantemente extracelular, mas existem alguns espécies com intracelular. 

Sistema circulatório 

Em suma, os moluscos possuem dois tipos de sistema circulatório: aberto ou fechado. O sistema aberto faz com que o sangue circule em parte em vasos e saia para os espaços entre as células. Já o fechado é quando o sangue se movimenta, exclusivamente, por meio dos vasos sanguíneos. No caso desse filo, a grande maioria das espécies são dotadas de circulação aberta. 

Seu sangue tem uma tonalidade azul e isso se deve a um pigmento entrado nele chamado hemocianina. 

Sistema respiratório 

Com animais terrestres, marinhos e de água doce, o sistema respiratório deste reino tem três tipos: pulmonar, branquial e cutânea. O pulmonar está presente nos animais terrestres, a braquial nos aquáticos e a cutânea também é encontrada nos moluscos que vivem na terra, mas ele serve como um complemento para a respiração do tipo pulmonar. 

Sistema nervoso e sensorial 

O sistema nervoso desse filo é do tipo ganglionar. Sendo este bastante desenvolvido nos polvos e nas lulas. Já o sistema sensorial é mais variado, com a maioria tendo uma estrutura chamada de estatocisto, responsável por fazer os bichos perceberem até mesmo as mais sutis mudanças em seu ambiente e também para conseguirem se localizar.

Classificação dos moluscos 

Ao todos, existem 7 classes de moluscos e nós vamos conhecê-las logo abaixo. 

1 – Classe monoplacophora 

Os monoplacophora são moluscos exclusivamente marinhos. Eles moram em águas profundas. Seu corpo é completamente coberto por uma concha única. 

2 – Classe aplacophora 

Outra classe exclusivamente marinha. São pouco conhecidos e conseguem vivem em grandes profundidades. Não chegam a medir mais que alguns milímetros e não tem concha. 

3 – Classe Scaphoda 

Também do tipo marinho, vivem enterrados no lodo ou na areia. Eles são popularmente chamados de concha-dente. Esse nome advém de sua concha, que lembra um dente ou presa. Seus pés são musculosos e adaptáveis para escavar substratos.

Classe Scaphopoda 
Classe Scaphopoda

4 – Classe Polyplacophora 

Os integrantes dessa classe são chamados de quítons e vivem grudados em rochas nos mares. Sua concha é composta por oito placas articuladas e sobrepostas. 

5 – Classe Bivalvia 

A classe Bivalvia é grande e variada. Existem tanto espécimes de água doce como marinha. Fazem parte desse subgrupo os mexilhões, ostras e os mariscos. Tem duas conchas articuladas com algo que lembra dobradiças situada na região dorsal. Dotados de uma cabeça pequena e pés estreitos, que lembram um machado. Aliás, essa é a classe responsável pela criação das pérolas. 

6 – Classe Cephalopoda 

Outra classe exclusivamente marinha, lulas, sépias e polvos fazem parte desse grupo. Aqui, alguns integrantes podem ter concha reduzida ou interna, como é o caso das lulas e das sépias. Também são dotados de células especiais e pigmentadas que permitem que estes animais mudem de cor. 

Classe Cephalopoda 
Classe Cephalopoda

7 – Classe Gastropoda 

Essa classe é a maior dentro do filo molusco. Aqui, podemos encontrar espécies terrestres, marinhas e de água doce. Fazem parte dele as lesmas, caracóis de jardim e caramujos. O nome do grupo vem devido ao pé musculoso e dorsal, que fica abaixo do estômago – gastros, modos, e podos, pé -.

O que achou do filo Mollusca? Não esqueça de compartilhar. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *