Home / Informações / Características do Periquito da Caatinga: Alimentação e Reprodução

Características do Periquito da Caatinga: Alimentação e Reprodução

O periquito da caatinga é um residente do nordeste e centro-norte do Brasil. Principalmente verde, o periquito da caatinga apresenta uma coloração marrom na parte frontal, folhos, garganta e peito do pescoço, penas de voo azuladas e laranja opaca na barriga. 

Esta ave habita uma árida vegetação de caatinga espinhosa, bosques abertos e pastagens e bosques menos áridos. Embora não seja considerado ameaçado, grande parte da gama de periquitos da caatinga não está protegida e está sendo constantemente degradada.

Tamanho

Mede 25 centímetros de comprimento e pesacerca de 120 gramas. Tem a cabeça e corpo verde-acastanhada, dorso verde-oliva, asas verdes com as pontas azuis, peito alaranjado, bico marrom e barriga amarela.

Habitat

Sua área de distribuição corresponde de perto a vegetação seca e espinhosa Caatinga nordeste Brasil, mas engloba maiores áreas semi-desérticas secas criada por overgrazing e florestas secas (caatinga arbórea) e savannah lusher sazonal (fechado). Geralmente em pares ou (principalmente fora da época de reprodução) bandos de até 20 aves, mais abundante onde o alimento é abundante (como culturas de arroz).

Periquito da Caatinga
Periquito da Caatinga

Alimentação

A dieta inclui sementes, frutas (incluindo cactus), bagas, frutos secos, flores e casulos, tomado ambas as árvores e arbustos e solo. Às vezes ele ataca culturas (por exemplo arroz, uvas e milho).

Os cativeiros

As aves jovens são removidos do seu ninho antes  mesmo que possam voar, e, em seguida, vendidas, por exemplo, na feira em cidades do interior. Estas aves podem se tornar muito mansas, e não é raro ver um periquito da caatinga na casa de um proprietário, como um membro da família, por assim dizer. 

O comércio ilegal 

O comércio ilegal brasileiro tem reduzido muito da população dessas aves na natureza, e ameaça a sobrevivência da espécie em muitas outras áreas. A destruição do habitat parece ser um problema menor se compararmos com a venda ilegal para outros países.

Reprodução

O ninho é construído em cupinzeiros arborícolas ativos. A ave escava um túnel de acesso na base do cupinzeiro, de baixo para cima, tendo diâmetro compatível com o seu tamanho; essa entrada é bem discreta e muito difícil de se perceber, contribuindo para a segurança do ninho da espécie. Já no interior do cupinzeiro escava a câmara de postura, que é bem espaçosa, tendo, em média, 25 cm de diâmetro. Esta cavidade é forrada com madeira triturada, raspada das paredes, o que facilita a secagem do fundo, que pode ficar molhado e úmido por suas fezes, que são um pouco líquidas. 

Esse tipo de ave bota 9 ovos, que incuba por 25 a 26 dias. Os cupins permanecem no cupinzeiro, embora fechem todos os acessos ao interior da câmera e ao túnel, não importunando assim as aves adultas e seus filhotes.

Hábitos desconhecidos

Costuma voar em bandos entre 6 a 8 indivíduos, sempre vocalizando um som “krik-krik-krik-krik”, e tem vários hábitos de um papagaio, como o de levantar suas penas e ficar balançando a cabeça para cima e para baixo quando com raiva. Vem ao solo em busca de sementes e para beber água.

Dizem que  são ótimos animais de estimação; sendo resistente, facilmente domado, divertido e geralmente amigável e afetuoso. Essa espécie se dá relativamente bem com outros animais e, portanto, se dá bem em comunidades aviárias. No entanto, desde que sejam bem socializados, aceitarão prontamente uma família humana como seus companheiros de rebanho.

Como legalizar um animal silvestre?

Embora a prática de compra ilegal seja incorreta, algumas pessoas gostam muito dos periquitos da caatinga e ficam se questinando a cerca de como legalizar o mesmo.

A verdade é que uma das poucas e únicas formas de se legalizar um animal silvestre como seria o caso do Periquito da caatinga, seria adquirindo o mesmo de um criadouro que seja autorizado pelo Ibama. Aqueles que retiram qualquer que seja o animal do seu habitat natural ou realiza a compra de terceiros não tem como legalizar depois, é importante que você tenha isso em mente para que não cometa o erro de comprar um Periquito de forma ilícita com o pensamento de que poderá legalizar o mesmo depois.

O que você pode fazer caso tenha adquirido o seu Periquito da caatinga de forma ilegal é devolver o mesmo para que ele possa ser remanejado para um centro  reabilitação, um zoológico ou para um criadouro regulamentado. Pode até ser difícil caso o mesmo já tenha criado um laço afetivo com você.

Para fazer isso, você deve levar o animal a um Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS) ou a um Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) na sua cidade.

Periquito da Caatinga
Periquito da Caatinga

O mais importante é que você tenha em mente que quando você mantém qualquer tipo de animal em cativeiro sem autorização, você também fica a mercê das medidas legais cabíveis, ou seja, você pode pegar multas ou até mesmo em casos severos uma detenção com cerca de 6 meses a 1 ano. 

Percebe a importância de não retirar um animal silvestre do seu habitat natural? Logo, se você pretende criar o seu Periquito dentro dos padrões legais e evitar quaisquer tipo de transtornos deve seguir os passos abaixo:

  • Faça um cadastro no Ibama;
  • Vá até o Ibama depois de feito o cadastro;
  • Visite um criadouro ou criador regularizado;

Depois de seguir todos esses 3 passos você já pode ir até um criadouro e adquirir o animal que deseja. Parece bem melhor do que adquirir de forma ilícita, não é mesmo?

Conclusão

Depois de aprender todas as premissas básicas a respeito dos Periquitos da caatinga e as suas principais Características eu creio que você meu caro leitor já sabe o que fazer quando o assunto for adquirir o seu próprio Periquito para a sua residência.

Lembre-se da importância de não contribuir para o tráfico ilegal de aves em nosso território brasileiro.

Você gostou desse conteúdo? Que tal compartilhar  nas suas redes sociais ou até mesmo via WhatsApp e demonstrar para todos os seu amigos essas principais características do Periquito da caatinga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *