Home / Curiosidades / Tem Crocodilo No Brasil?

Tem Crocodilo No Brasil?

Os crocodilos constituem uma família de répteis, Crocodylidae, que compreende 14 espécies, distribuídas em três gêneros. A família Crocodylidae, por sua vez, está incluída na ordem Crocodylia, que inclui, além dos crocodilos, seus parentes jacarés (família Alligatoridae) e gaviais (família Gavialidae). Muitas vezes o nome crocodilo é utilizado erroneamente, em um sentido mais amplo, para se referir aos membros da ordem Crocodylia, incluindo, então os jacarés e gaviais, mas os crocodilos verdadeiros somente são os membros da família Crocodylidae.

Distribuição e Habitat Do Crocodilo 

Tem Crocodilo no Brasil?

Os crocodilos são encontrados em regiões tropicais, embora duas espécies, o crocodilo americano (Crocodylus acutus) e o crocodilo persa (Crocodylus palustris) também ocorram nos subtrópicos. Existem quatro espécies nas Américas, três na África e sete na região da Ásia e Oceania. Das espécies americanas, o crocodilo americano é encontrado no estado da Florida, nos Estados Unidos, no México, América Central e ilhas do Caribe, e norte da América do Sul. O crocodilo do Orinoco é endêmico das planícies alagadiças do rio Orinoco, na Venezuela. O crocodilo de Morelet é encontrado no México, Belize e norte da Guatemala. O crocodilo cubano é endêmico de Cuba. Portanto, a distribuição das espécies de crocodilo que habitam o continente americano se limita ao norte da América do Sul, não sendo possível encontrar nenhuma espécie de crocodilo no Brasil.

Crocodilo 
Crocodilo

Os crocodilos africanos habitam o norte do continente africano, a bacia do Nilo, regiões ao sul do deserto do Saara, Madagáscar, o arquipélago das Comores e o golfo da Guiné. Os crocodilos da região da Ásia e Oceania habitam a Austrália, as ilhas Filipinas, Papua Nova Guiné, Myanmar, Sri Lanka, Vietnã, Bornéu, Laos, Malásia, Tailândia e Camboja.

Embora algumas espécies de crocodilos sejam altamente adaptáveis ​​e possam viver bem em vários habitats aquáticos, outras espécies são restritas a áreas florestais e pantanosas. A água profunda é um requisito para que os crocodilos protejam-se contra a seca, mas algumas espécies vivem em locais onde há períodos de seca anualmente. Nestes habitats, os crocodilos escavam túneis profundos, ficando aí protegidos e aguardando condições mais favoráveis para sair. As espécies de crocodilos encontraram nichos em habitats que incluem riachos, grandes rios, pântanos, lagos, enseadas, canais, reservatórios, bem como habitats salinos, tais como riachos de mangue e salinas.

Características Do Crocodilo

O crocodilo verdadeiro é um réptil aquático de tamanho médio a grande, caracterizado de forma geral pela presença de mandíbulas dentadas, com dentes cônicos e capazes de uma mordida muito forte e uma forma corporal semelhante a dos lagartos. As espécies de crocodilos apresentam membros dianteiros fracos e menores e membros posteriores fortes e com dedos palmados. Possuem placas pesadas no pescoço e nas costas formadas por escamas dorsais apoiadas em osteodermos. Todos os crocodilos são alongados, com o comprimento do corpo quase igual ao comprimento da cauda. A cauda é fortemente musculosa e achatada, auxiliando a natação. Os crocodilos têm sistemas visuais, auditivos e olfativos altamente eficazes.

Crocodilo Caraterísticas
Crocodilo Caraterísticas

Todas as espécies têm dentes e mandíbulas capazes de apreender, rasgar e esmagar as presas. Algumas espécies têm mandíbulas estreitas e dentes muito afiados especialmente capazes de capturar peixes. Poros sensoriais dentro e ao redor da boca auxiliam na procura de presas debaixo d’água.Os dentes do crocodilo são substituídos ao longo da vida. Os crocodilos variam em tamanho, desde o pequeno crocodilo-anão, com distribuição na África Ocidental de até 2 metros de comprimento total, até o enorme crocodilo de água salgada, com 6 metros de comprimento total. Os crocodilos são predadores de topo, colocam ovos e não possuem predadores naturais, podendo viver por 70 a 80 anos.

Hábitos e Alimentação Do Crocodilo

Os crocodilos são animais de hábito noturno. Durante o dia, geralmente de manhã, por serem animais ectotérmicos, os animais se arrastam para fora da água e se aquecem ao sol, aumentando a temperatura do corpo. Os crocodilos apresentam um comportamento peculiar ao estarem prontos para fugir ou atacar uma presa, parecendo estar entorpecidos. As espécies de crocodilo apresentam comportamento de vocalização e os machos adultos podem gritar para estabelecer o domínio. Todas as classes de tamanho de crocodilo são capazes de rosnar e assobiar quando intimidadas. Os filhotes grunhem um para o outro e podem gritar muito alto se forem atacados. Há evidências de que os crocodilos se comunicam via ultrassom. Os crocodilos são bons nadadores e caminham naturalmente na terra, com dois tipos peculiares de caminhada: passo alto, com o corpo levantado, ou passo baixo, andando próximo ao chão.

Crocodilo Curiosidades
Crocodilo Curiosidades

Quanto aos hábitos alimentares, o crocodilo é um oportunista e sua dieta inclui uma enorme variedade de invertebrados e vertebrados. Os filhotes e crocodilos mais jovens são ágeis e se alimentam de libélulas, cupins voadores e outros insetos, além de aracnídeos. Conforme crescem, os crocodilos passam a se alimentar de artrópodes maiores, como caranguejos, além de incluírem alguns vertebrados em sua dieta, como peixes, sapos, répteis, pássaros e mamíferos. Os crocodilos são caçadores ativos que perseguem as presas tanto acima quanto abaixo da água. A maioria das espécies pode se alimentar de carniça. Os crocodilos desempenham um papel vital como predadores de topo da cadeia alimentar aquática, controlando peixes comercialmente importantes e mantêm o habitat limpo como catadores.

Estado de Conservação Das Espécies De Crocodilo e Relação Com o Homem

Os crocodilos figuram em crenças religiosas, mitos e contos populares em todo o mundo e os crocodilos do Nilo foram mumificados e enterrados com os faraós do Egito. Alguns povos indígenas em todo o mundo consideram os crocodilos uma fonte de ovos e carne. A maioria das 14 espécies de crocodilos já teve suas populações bastante reduzidas em virtude da caça predatória e da perda de habitat. Algumas espécies maiores, como o crocodilo de água salgada e o crocodilo do Nilo, se alimentam de animais domésticos e humanos, contribuindo para a impopularidade desses predadores em muitas partes do mundo. Existem ao menos oito espécies de crocodilo que atacam os humanos.

Crocodilo Filhote
Crocodilo Filhote

A caça de crocodilos para obtenção de couro foi uma das principais razões para o declínio das populações da maioria das espécies. O abate de crocodilos para obtenção de sua pele começou no final do século XIX e demanda por couro atingiu seu pico em meados do século XX, quando mais de um milhão de peles estavam sendo negociadas por ano. Atualmente existem três espécies criticamente em perigo, duas em vias de extinção, e três vulneráveis. Alguns esforços na conservação das espécies de crocodilo começaram no início dos anos 70 e rapidamente reverteram o grau de ameaça de extinção de várias espécies. Atualmente, alguns programas de uso sustentável são responsáveis ​​pela recuperação e sobrevivência contínua de várias espécies, notavelmente o crocodilo do Nilo, o crocodilo de água salgada e o crocodilo da Nova Guiné. Em geral, os países que capturam crocodilos da natureza e os criam em fazendas de forma sustentável protegem com sucesso as espécies nativas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *