Home / Curiosidades / Qual Espécie de Peixe é o Nemo?

Qual Espécie de Peixe é o Nemo?

Você já se perguntou qual espécie de peixe é o Nemo? A animação da Pixar, Procurando Nemo, é uma das favoritas da criançada. Em sua trajetória, o peixe Nemo se perde de seu pai Marlin, que encontra outro peixe de espécie curiosa conhecida como Dory. A aventura no fundo do mar faz com que crianças e adultos conheçam novas espécies de peixes.

Ao longo desse artigo, você vai descobrir mais sobre a espécie do Nemo. Além disso, você saberá mais sobre o habitat natural do peixe e verá muitas semelhanças entre o filme e a vida real. Por último, você vai descobrir se pode ter um “Nemo” no aquário da sua casa.

Ficou curioso? Então não deixe de ler esse artigo até o final para se tornar um especialista no tema. Vamos começar?

Peixe-palhaço e nemo
Peixe-palhaço e Nemo 

Qual espécie de peixe é o Nemo?

A espécie do peixinho laranja é popularmente conhecida como peixe-palhaço. Inclusive, isso é revelado no filme! Quando Dory e Marlin encontram três tubarões “vegetarianos”, eles pedem para que o pai de Nemo conte uma piada por ele ser… Bem, um palhaço! Então, eles começam a rir do peixe e dizem que nunca conheceram um Peixe-palhaço que não fosse engraçado. Coitado, né?

Porém, não é assim que a espécie de peixe do Nemo é conhecido pela comunidade científica. Afinal, o nome científico dessa espécie é Amphiprion ocellaris. Ele pertence à família dos Pomacentridae, que engloba diversos tipos de peixe-palhaço. O mais famoso, porém, é a espécie de Nemo.

Você já sabe qual espécie de peixe é o Nemo, mas de onde surgiu o termo peixe-palhaço? Seu nome popular foi dado porque esse peixe não nada em linha reta, movimentando-se de forma engraçada. Seu nado torto faz com que ele se diferencie das  outras espécies de peixes no mar.

As características mais comuns dos peixes-palhaço são a cor alaranjada com listras brancas. Sua expectativa de vida é de 6 anos e eles costumam ter cerca de 10cm de comprimento.

Além disso, vale mencionar qual é a alimentação dessa espécie. Os peixes-palhaço se alimentam de algas, zooplâncton e crustáceos no geral. Todas essas opções são comuns da água salgada onde eles vivem.

Onde mora o peixe-palhaço?

Agora que você já sabe qual espécie de peixe é o Nemo, chegou a hora de descobrir onde esses peixinhos vivem. Então, você se lembra do personagem tentando dizer para o tio Raia onde ele mora? Ele gagueja com a palavra “anêmona”.

As anêmonas também são animais conhecidos como pólipos. Elas são animais invertebrados que pertencem ao filo Cnidária, sendo parentes dos corais. Elas se alimentam com a ajuda de uma substância ardente que faz com que outros animais fiquem presos em seus “tentáculos”.

Então, como Nemo, Marlin e os outros peixes-palhaço conseguem viver em seu interior? Simples: eles são imunes à essa substância. Logo, eles conseguem se infiltrar no interior das anêmonas sem se machucar. Além disso, a substância ardente dos pólipos faz com que o seu lar seja seguro, evitando que outros animais os capturem.

Por outro lado, as anêmonas também se beneficiam ao serem feitas de casa pelo peixe-palhaço. Afinal, eles costumam deixar cair restos de alimentos em seu interior. Dessa forma, elas conseguem se alimentar mesmo que nenhum outro animal fique preso em seus tentáculos.

Nemo e Dory
Nemo e Dory

Como é a família do peixe-palhaço

Além de querer saber qual espécie de peixe é o Nemo, muitas pessoas se perguntam se a relação familiar é semelhante ao longa. Em Procurando Nemo, Marlin e sua esposa moram juntos na anêmona. Posteriormente, pai e filho continuam no mesmo local.

Isso também é verdade no reino animal! É possível encontrar todos os membros da mesma família morando em uma única anêmona. Porém, a curiosidade aqui é que o membro dominante da família é a fêmea.

Na ordem de dominância, primeiro temos a fêmea, depois o macho reprodutor. Além disso, os machos não reprodutores também costumam viver nessa anêmona. Ah, aqui vai outra curiosidade: todos os peixes-palhaço nascem machos. Caso a fêmea morra, o macho reprodutor é capaz de trocar de sexo para poder reproduzir.

Isso acontece porque as gônadas do peixe-palhaço se desenvolvem primeiro como masculinas. Posteriormente, pode ocorrer um processo conhecido como protandria, na qual elas se tornam femininas. Aposto que você não sabia que descobriria isso ao aprender qual espécie de peixe é o Nemo!

Posso ter um peixe-palhaço em casa?

Após assistir ao filme, você provavelmente ficou com vontade de ter o seu próprio Nemo no aquário de casa, não é mesmo? Acredite: você não está sozinho nessa. Após o lançamento de Procurando Nemo, a demanda pelos peixes-palhaço aumentou muito ao redor do mundo.

Não é por menos que essa é a espécie de peixe mais comercializada. Porém, você deve ter em mente que o melhor habitar para qualquer espécie de peixe é o natural. Logo, se você decidir comprar um peixe-palhaço, é muito importante que você reproduza as características naturais às quais ele já está acostumado. Além disso, lembre-se de cuidar muito bem do seu bichinho, ok?

Dito isso, vamos falar um pouco sobre ter um aquário. Quando as pessoas descobriram qual espécie de peixe é o Nemo, a demanda cresceu e os peixes-palhaço começaram a ser criados em cativeiro. O seu preço em locais específicos de venda geralmente varia entre R$60 e R$80. Porém, é possível encontrá-lo por até R$100.

Peixe Palhaço
Peixe Palhaço

O peixe-palhaço vive relativamente bem em aquários, até mesmo com outras espécies. Mas lembre-se sempre de contar com o apoio de especialistas ao montar o seu aquário. Dessa forma, você garante que não vai misturar espécies predadoras entre si, garantindo mais qualidade de vida para os seus peixinhos.

E aí, você gostou de descobrir qual espécie de peixe é o Nemo? Então não deixe de acompanhar os nossos demais artigos para descobrir mais curiosidades sobre espécies de animais ao redor do mundo. Aproveite o espaço abaixo para deixar um comentário sobre o que você achou do tema. Ah, e não esqueça também de divulgar esse artigo nas redes sociais. Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *