Home / Curiosidades / Quais os Predadores do Sapo?

Quais os Predadores do Sapo?

Os sapos são um dos tipos de animais mais comuns do mundo. Eles são anfíbios e pertencem à ordem Anura, que é composta por mais de cinco mil espécies entre sapos, rãs e pererecas.  Sendo que os sapos especificamente pertencem a uma família composta por mais de 450 espécies chamada de família Bufonidae. Os sapos estão presentes em quase todos os lugares do mundo, exceto por cidades muito frias, pois eles preferem a umidade. No Brasil especificamente, a maioria das espécies nativas estão concentradas da Amazônia e Mata Atlântica, e outras espécies como o sapo cururu são mais comuns em todo o território nacional, principalmente em períodos mais quentes e úmidos.

Os sapos possuem uma forte ligação com a água, tanto que a reprodução de algumas espécies acontece através da água, e a primeira parte do desenvolvimento deles ocorre também não água. Além disso o contato com a água ajuda na respiração cutânea, e também na hidratação da pele deles, uma vez que possuem a pele muito fina e sensível aos raios solares, ficando facilmente ressecada em caso de muita exposição ao sol. Por serem animais pequenos, existem muitos predadores do sapo na natureza, que podem ir desde a gatos a cobras e outros animais maiores. Antes de falarmos sobre os predadores do sapo vamos conhecer um pouco mais sobre esses animais, como eles vivem, como é sua alimentação e reprodução.

Sapos
Sapos

Espécies de Sapos No Brasil

Atualmente no Brasil, são catalogadas cerca de 517 espécies de anfíbio no geral. Sendo o sapo cururu o mais comum na fauna brasileira. Os sapos cururus são venenosos e esta é a forma de defesa que eles utilizam contra os seus predadores. Se um dos predadores do sapo cururu ingerir o veneno que eles liberam através de duas glândulas que possuem na parte de traz da cabeça, eles podem chegar a morrer pois o veneno é muito tóxico. Sendo o sapo cururu o mais comum no Brasil, é também o que possui mais informações a seu respeito, porém outras espécies como Allophryne Ruthveni, o Allobates Brunneus, Brachycephalus Pitanga, por exemplo.

Este último é uma espécie única do Brasil, e pode ser encontrada na região da gea de São Paulo, como em Minas Gerais. Sua cor é muito chamativa, assim como diz o nome é uma cor próxima da Pitanga, ou um laranja bem vivo. A allobates é uma espécie que em pouco tempo poderá entrar em risco de extinção devido a degradação humana do ambiente onde elas vivem, o que é muito perigoso já que essa espécie não consegue se adaptar a outros ambientes além do seu natural.

Alimentação

Sapos no geral se alimentam de insetos pequenos, como gafanhotos, moscas, mosquitos, pequenas aranhas. Alguns sapos maiores podem se alimentar de pequenos pássaros também. Por se alimentarem de insetos, é muito comum encontrar populações maiores de sapos em regiões onde existem grande quantidade desses insetos.

Reprodução

A reprodução da maior parte dos sapos ocorre de maneira externa. O sapo tenta atrair uma fêmea através do seu coaxar, a fêmea geralmente é atraída pelo macho que possui o coaxar mais forte. Quando a fêmea se aproxima o macho a abraça por traz e deposita os ovos na água onde estão, e assim os ovos são depositados e após alguns dias se tornam pequenos girinos. Os girinos se transformam em pequenos sapinhos quando, através de metamorfose, perdem sua calda e ganham pernas.

Os Predadores Do Sapo

Agora vamos conhecer alguns dos predadores do sapo na natureza. A primeira informação sobre isso é que os sapos podem ser predados em qualquer período da sua vidas desde os ovos até a fase adulta, e eles possuem diversos tipos de predadores, sendo mamíferos, aves ou répteis.

1.     Predação de ovos

Existem dois predadores de ovos de anfíbios: os saracuras e os camarões de água doce. Os saracuras se alimentar principalmente de ovos de rãs e pererecas enquanto os camarões de água doce são predadores dos ovos de sapos e pererecas que têm forma de gel. Alguns besouros e formigas, e também outros tipos de insetos também podem ser predadores das desovas dos anfíbios.

Camarões de água doce
Camarões de água doce

2.   Predação dos girinos

Os predadores dos girinos são em sua maioria aves, como o bem te vi, mamíferos e répteis, como cobras. Uma grande variedade de aves estão entre os predadores do sapo no período em que são girinos, a cobra d’água e o cágado também estão entre os pregadores.

Bem-te-vi
Bem-te-vi

3.   Predação de anfíbios jovens

Os jovens sapos, logo após deixarem o corpo de girino e começarem a andar em terra sofrem forte predação de aves, como por exemplo, do sabiá laranjeira.

Sabiá-laranjeira
Sabiá-laranjeira

4.   Predação dos anfíbios adultos

Uma grande diversidade de pássaros estão entre os predadores do sapo, alguns exemplo são o Tinguaçu, o Surucuá de peito azul, o Anu-preto e o Anu-branco e a Garça branca grande. Cobras, cágados e lagartos estão entre os répteis que se alimentam de sapos adultos. Entre a mamíferos predadores de sapo estão os morcegos, furões, lontras, a jaguatirica, alguns tipos de gatos e cachorros, e guaxinins, entre outros.

Existem alguns tipos de sapos que possuem formas de se defender desses predadores, como é o exemplo dos sapos venenosos que podem utilizar seu veneno como arma contra eles. Porém nem todos possuem essa habilidade. Os girinos e anfíbios jovens são os mais sujeitos a sofrerem ação de predadores, pois mesmo sendo espécie venenosa, ainda não estão desenvolvidos e por isso não podem se defender apropriadamente.

Tinguaçu
Tinguaçu

Conclusão

Vale lembrar que a predação faz parte do ciclo natural da cadeia alimentar, por isso os predadores do sapo precisam se alimentar para manter o equilíbrio da natureza e tudo isso acontece de forma natural. Porém muitas vezes a intervenção do homem pode atrapalhar e desequilibrar a fauna de determinado lugar, levando diversas espécies de animais a extinção. Por isso vamos nos conscientizar e interferir o mínimo possível na natureza a nossa volta. Esperamos que este artigo tenha sido bastante informativo, e que você tenha aprendido mais com as nossas informações, obrigado por ler!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *