Home / Curiosidades / Periquito Amarelo: Principais Cuidados e Como Criar em Casa

Periquito Amarelo: Principais Cuidados e Como Criar em Casa

Cientificamente, é conhecido como Brotogeris chiriri, que significa “periquito chiriri com voz humana”. Popularmente tem muitos outros nomes, como periquito de encontro amarelo, periquito de asa amarela e periquito estrela. É uma ave psittaciforme, da família psittacidae, ou psitacídeos.

Em inglês, é conhecido por yellow chevroned parakeet.

Subespécies catalogadas

Duas são reconhecidas oficialmente no ramo biológico, sendo elas:

Brotogeris chiriri chiriri, encontrada nas partes norte e leste da Bolívia, assim como no sul e sudeste do Brasil e no norte da Argentina. É possível encontrá-la também no Paraguai.

Brotogeris chiriri behni: presente no centro-sul, em Cochabamba, na Bolívia, além do noroeste da Argentina, principalmente na Província de Salta. No Brasil, já foi vista no Rio Grande do Sul. Nos Estados Unidos, foi documentada também na parte sul do país.

Periquito Amarelo
Periquito Amarelo

Principais características do periquito amarelo

Essa espécie de periquito é conhecida por possuir o bico, branco amarronzado, muito forte em relação as outras aves semelhantes.

Quanto a sua coloração, é possível presumir que sua principal característica é a cor amarelo. Ela está em forma de uma faixa na parte superior das asas do animal. Aparece também na face, com uma tonalidade mais puxada para o amarelo esverdeado.

Seus olhos são bem escuros e cercados por semicírculos claros formados pela própria pele. É uma espécie de delimitação e fica bem visível devido ao contraste entre claro e escuro.

São pequenos, assim como é comum entre os periquitos, e o exemplar adulto costuma ter entre 22 e 23,5 centímetros de comprimento. A cauda pode chegar a 10 centímetros e a as asas medem cerca de 12,5 centímetros.

Não há diferenças visíveis entre o macho e a fêmea, apenas um detalhe mínimo e quase imperceptível. Quando houver um casal próximo, será possível visualizar que o macho possui a cabeça mais quadrada que a fêmea e tem o corpo um pouco maior.

É um animal pequeno, ideal para quem mora em um espaço pequeno, mas quer ter um animal de estimação mesmo assim.

Alimentação do periquito amarelo

A dieta do animal consiste em frutos, flores e néctar, basicamente. Além disso, costumam gostar bastante de milho também. Quando estão livres na natureza, podem atacar plantações inteiras e acabar destruindo-as.

Quando criado em casa, é ideal que ele seja alimentado com uma ração específica. Consulte um profissional antes de dar qualquer coisa ao periquito amarelo, pois comida a granel, por exemplo, pode fazer muito mal a ave. Fique atento.

Periquito Amarelo
Periquito Amarelo

Cuidados necessários para criar o periquito amarelo em casa

O animal exige uma gaiola que comporte o seu tamanho e dê bastante espaço para que ele se movimente. Além disso, é importante também colocar poleiros no espaço para que ele tenha uma distração mínima. Se o animal se sentir muito preso e entediado, começará a se isolar continuamente e pode chegar até mesmo a morrer.

Além disso, o periquito é um animal que naturalmente acumula muitas fezes. Por isso, o ambiente ficará sujo com muita frequência, faça uma limpeza do fundo sempre que possível para que ele não tenha contato com a própria sujeira.

Dê atenção, incentivo-o a se movimentar. Assim, o animal poderá continuar animado e atento. Sua coloração é muito chamativa e seu canto também, portanto, divertir-se com ele não vai ser uma tarefa difícil.

Deixe uma vasilha com água para que a ave possa se banhar sempre que quiser. Não é necessário dar banho nela, mas é uma característica muito comum dos pássaros. Não esqueça de trocar a água diariamente! Mesmo que não pareça suja, ela pode reter diversas bactérias que se proliferam e geram doenças, tanto no próprio periquito quanto nos seres humanos que convivem por perto.

Verifique a saúde do periquito

Se o animal estiver dormindo muito, apresentando queda de penas em excesso e até com chiado na respiração, podem ser indicativos de que a ave não está bem. Um outro fator muito forte também é a escamação, principalmente no bico, unhas e pés. Em qualquer caso semelhante, pode ser necessário que você visite um médico veterinário para saber o que, de fato, está acontecendo.

Não tente diagnosticar seu bichinho por comentários na internet ou por conhecimentos próprios. Confie que um profissional sempre será a melhor solução para que o animal não sofra.

Algumas características pontuais que apontam que o periquito está saudável são: penas com cores vívidas, sem secreção na narina e movimentos constantes pela gaiola. Se ele está quieto, sem cantar ou sem comer, fique alerta.

Reprodução do periquito amarelo

 Em caso de estar criando um casal dessa espécie, saiba que a fêmea costumar botar em torno de 3 a 5 ovos de cada vez, todos brancos. A incubação acontece por até 26 dias, findando no nascimento. Após oito semanas, os filhotes são considerados independentes, podendo se alimentar sozinhos.

Os principais predadores do periquito amarelo, na natureza, são o carcará, o murucutu de barriga amarela e o falcão de coleira. Quando estão em ambiente doméstico, o gato pode ser um grande perseguidor.

O canto do periquito de encontro amarelo é algo descrito por especialistas como uma sequência de “tchiri tchiri”. Quando em perigo, ele costuma bater as asas freneticamente. Por isso, esteja sempre atento a segurança do animal, pois qualquer dos dois indícios – seja o canto ou o bater de asas – pode indicar que algo está errado.

Distribuição do periquito amarelo

Ele costuma estar presente em diversos estados do Brasil, tais como Pará, Ceará, Maranhão, Piauí, Pernambuco, Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.

Se você quiser um exemplar, é só ir em busca de um criadouro de confiança e que seja legalizado pelo Ibama, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais. Verifique a aparência do animal antes de compra-lo para se atestar de sua saúde.

Não esqueça de exigir a nota fiscal, garantindo a compra. Depois disso, é só dar muito carinho e tratar seu periquito amarelo da melhor forma possível!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *