Home / Curiosidades / O Que é Habitat? Tipos e Exemplos

O Que é Habitat? Tipos e Exemplos

Nós como seres humanos temos nossas casas sejam elas casa de fato ou apartamentos. E podemos dizer que o ambiente em que vivemos, o ambiente urbano é o nosso habitat. Mas este tal habitat urbano integra um tipo de habitat ou seja, o habitat urbano é um exemplo de um dos tipos de habitat. Não se preocupe, falaremos sobre isso detalhadamente para que você possa entender.

Começamos com este exemplo porque sempre que ouvimos falar de habitat estamos falando da vida animal e talvez por conta disso seja mais difícil entender o conceito. Mas nós como seres humanos também possuímos nosso habitat.

Habitat nada mais é do que o local em que o animal vive, em outras palavras o meio em que ele está inserido e de onde tira sua subsistência.

Você Disse Habitat?

Todos os locais imagináveis do planeta Terra são habitats de alguma espécie de animal ou planta, se não de vários. E quando falamos de todos os locais inimagináveis estamos de fato falando de todos os locais inimagináveis, desde o deserto mais árido que você possa imaginar até mesmo a montanha mais gélida que você já pensou que poderia existir.

Existem dois tipos de habitats sobre os quais existe uma infinidade de exemplos que poderíamos citar. Estes dois habitats são o habitat terrestre (em terra firme) e o habitat aquático (ou aquático, relativo à água).

Vamos começar pelo habitat terrestre, que é também o tipo do nosso habitat. Neste habitat podemos citar como exemplo os desertos, as regiões montanhosas e as florestas.

Habitat
Habitat

As florestas tropicais com sua característica úmida tem a maior diversidade de animais e plantas existentes. Os desertos como sabemos só são indicados como habitat para animais e plantas que não necessitam de muita água para a sua manutenção. Aqui podemos citar os camelos e os cactos como espécies do deserto.

As regiões montanhosas demandam de muita resistência das espécie para a sua sobrevivência. Ainda podemos citar como exemplo de habitats terrestres os biomas e também as pastagens e as florestas.

Agora vamos falar um pouco sobre o habitat aquático. O habitat aquático se ramifica em outras duas divisões internas. O habitat aquático de água doce que pode ser composto por lagos, lagoas, pântanos e riachos e o habitat aquático de água salgada que é composto por pântanos, lagoas e lagos salgados e os nossos mares e oceanos.

Algumas espécies assim como acontece também com os animais terrestres podem vivem apenas em água, enquanto outros podem viver parte do tempo em terra firme e parte do tempo em água como as tartarugas, por exemplo.

A Adaptação Longínqua Para O Seu Habitat

Os animais que conhecemos vivendo nos habitats em que vivem levaram anos e anos para se adaptar a sua realidade de modo a conseguir sobreviver, se reproduzir, encontrar alimento e abrigo onde estão.

Para se ter uma ideia há uma teoria evolucionista de Charles Darwin que diz respeito a seleção natural das espécies, onde o mais adaptado sobrevive. Essa teoria evolucionista explicaria, por exemplo, porque as girafas possuem o pescoço tão longo.

De acordo com a teoria haviam girafas com pescoços menores mas as melhores folhas se encontravam no topo das árvores e com isso por conta da própria seleção natural somente as girafas de pescoço longo conseguiram sobreviver ao longo do tempo. Isso é chamado de adaptação onde o animal se adapta para viver nas condições em que se encontra ou vive. A tartaruga do deserto tem a incrível capacidade de manter a umidade do seu casco mesmo em um local tão árido.

Nicho Ecológico E O Meu Habitat

Um termo bastante relacionado com o habitat é o conceito de nicho ecológico. Quando falamos em habitat estamos falando dos locais onde determinadas espécies podem ser encontradas dentro dos dois tipos que comentamos anteriormente, o habitat terrestre e o aquático.

Dentre destas duas possibilidades há os exemplos que podemos citar como florestas, lagos, mares e desertos. O habitat é o endereço onde podemos encontrar um animal.

O papagaio de cara roxa por exemplo é uma espécie endêmica do Brasil e só pode ser encontrado na Mata Atlântica. Desta forma, a Mata Atlântica é o seu endereço. O seu nicho ecológico, entretanto, vai muito além disso e diz respeito a capacidade adaptativa deste animal, suas formas de reprodução, sua alimentação, predadores e afins. Se fossemos resumir brilhantemente nicho ecológico estaríamos nos referindo a interação deste animal com o ecossistema em que está inserido.

A Destruição Do Habitat

Quando pensamos em animais, nicho ecológico e habitat não podemos ignorar um fator extremamente importante, o risco de extinção iminente. Muitas espécies de animais estão atualmente em risco de extinção, de serem definitivamente extintos e isso acontece justamente por conta da destruição do seu habitat. A destruição do habitat animal muitas vezes é resultado da ação humana o que resulta em uma migração destes animais para outras regiões.

A partir desta migração temos um novo processo adaptativo que pode ou não resultar em queda no número de indivíduos de uma espécie.

E por falar em destruição de habitat, a floresta Amazônia é o habitat natural de inúmeras espécies tanto de nossa fauna quanto de nossa flora e a cada ano perde-se cerca de vinte quilômetros quadrados de floresta. Medida equivalente ao estado inteiro do Sergipe.

Conhecendo O Habitat De Alguns Animais

Já que falamos de tipos de habitat e exemplos, vamos conhecer o habitat de alguns animais?

Antes de adentrarmos um pouco neste assunto, vale aqui uma observação importante além do dois tipos de habitats, terrestre e aquático. Há os habitats artificiais e os naturais. Por habitat natural, temos como comentamos, as florestas, mares, todos os locais naturais sem intervenção humana.

Os habitats artificiais são resultado da ação humana e visam aproximar um determinado espaço ao que o animal encontraria na natureza. Os santuários são um ótimo exemplo disso.

Agora vamos aos habitats, os leões ao lado das zebras e das girafas são encontrados nas savanas africanas. O camelo por sua vez no deserto sendo um animal totalmente adaptado a escassez de água encontrada no local.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.