Home / Curiosidades / Jiboia É Venenosa? O Que Ela Come?

Jiboia É Venenosa? O Que Ela Come?

As serpentes, principalmente aquelas de grande porte são capazes de intimidar até mesmo os indivíduos mais corajosos. E dentre estas cobras está a jiboia visto que é considerada um animal de médio a grande porte.

Como se o tamanho não intimidasse e acabasse afugentando curiosos, o veneno das cobras também é algo presente em uma parte das espécies e pode causar sérios e graves danos a nós seres humanos. Mas será que a jiboia é um destes animais?

Sabemos que o seu porte pode intimidar mas será que a mesma possui um veneno tão nocivo que possa afugentar até mesmo os mais destemidos? É isso que descobriremos no post de hoje.

Jiboia
Jiboia

Você Disse Jiboia?

A jiboia é o nome popular, por assim dizer, da cobra boa constrictor que apresenta onze subespécies das quais apenas duas podem ser encontradas em nosso país. E por falar em nosso país, por aqui as subespécies boa constrictor constrictor e boa constrictor amaralis são encontradas na caatinga, no cerrado, na Mata Atlântica e também na mata amazônica.

São répteis e integram a ordem Squamata e a família Boidae. Se de alguma forma um dos possíveis habitats da jiboia é próximo de onde você está certamente a questão sobre a sua periculosidade deve ser ainda mais justificada para você e não vamos tardar com estas informações. A jiboia não é um animal peçonhento, em outras palavras, não apresenta veneno que pode trazer algum tipo de risco para nós seres humanos.

Todavia, não pense que este animal não possui mecanismos de defesa, muito pelo contrário. Quando se sentem ameaçadas ou acuadas por algum tipo de estímulo as jiboias expelem um ar de seus pulmões denominado bafo da jiboia. É uma reação defensiva e não tem nenhum risco para os seres humanos, não causa nenhum tipo de dano, nem mesmo irritação na pele em caso de contato direto. Em casos extremos em que a jiboia se vê sob evidente ameaça a mesma pode partir para o ataque e você ser sorteado com uma mordida. Embora não sejam raras estas ocorrências não são assim tão comuns de ocorrerem. Mas para nossa sorte as jiboias são evasivas a presença humana e desta forma não deve ser assim tão fácil encontrar uma cara a cara.

Bom, já que falamos rapidamente sobre o porte vamos detalhar o tamanho da jiboia.

Porte Da Jiboia, Sua Reprodução Farta E Ademais

As jiboias são tidas em nosso país como a segunda maior espécie de serpente. Ela fica atrás somente da sucuri que também é conhecida como anaconda. Você já deve ter visto esta cobra em algum filme de terror trash e sim, a jiboia só fica atrás dela em tamanho. Sendo mais diretos e específicos a jiboia pode atingir os incríveis quatro metros mas habitualmente param de crescer bem abaixo disso, por volta dos dois metros. O seu peso também acaba ficando consequentemente abaixo da estimativa máxima que é de quarenta quilos e assim sendo seu peso médio costuma ser de apenas vinte quilos.

Embora seja um animal abaixo de suas próprias expectativas, a jiboia possui um corpo musculoso em formato cilíndrico com achatamento nas laterais. Seu corpo é forte e também pudera, afinal é dele que depende a sua alimentação da qual falaremos logo mais.

Jiboia Características
Jiboia Características

Sobre a sua reprodução, farta seria a palavra mais adequada para defini-lá. Acredite se quiser, a cobra jiboia pode dar a luz em apenas uma gestação a mais de sessenta filhotes. Isso mesmo, há registro do nascimento de sessenta e quatro filhotes em apenas uma gestação. Gestação esta que dura em média de cinco a oito meses. Os filhotes por sua vez nascem com quase cinquenta centímetros e pesando cerca de setenta gramas. Bem longe do que vão atingir na vida adulta não é mesmo? E por falar em gestação e filhotes, as jiboias são consideradas animais vivíparos, em outras palavras, os filhotes se desenvolvem majoritariamente no interior de suas mães tirando do sangue os nutrientes necessários para o seu desenvolvimento.

Comentamos anteriormente que apenas duas subespécies podem ser encontradas em nosso país. Sendo mais específicos a boa constrictor constrictor pode ser encontrada no nordeste enquanto a boa constrictor amaralis pode ser avistada nas regiões sul, sudeste e partes centrais do país.

A Alimentação Da Jiboia No Dia A Dia

As jiboias são animais carnívoros e como tal se alimentam de carne para sobreviver. No caso da jiboia se alimentam de pequenos mamíferos, aves, anfíbios e lagartos. A boca desta cobra é bem dilatável o que assegura que consumam um animal muito maior do que aparentemente caberia em sua boca levando em consideração o seu tamanho. Dentre os principais mamíferos que consomem esta os ratos. Seu processo de digestão pode durar dias, ou até mesmo semanas e neste período a cobra fica em estado completo de torpor.

Dissemos antes que a musculatura e o desenvolvimento do corpo da cobra era importante para a sua alimentação não é? E de fato é o que realmente acontece. As cobras não peçonhentas como a jiboia que não podem contar com a força de seu veneno para obter a sua presa precisam se utilizar da técnica de constrição. A constrição consiste na cobra enrolar-se no corpo de sua vítima de maneira a prendê-lo. Com a compressão em poucos minutos a presa acaba morrendo por asfixia e sufocamento.

Seu Alto Valor De Mercado E A Sua Domesticação

Cerca de dezoito milhões de norte americanos criam serpentes como um típico animal de estimação exótico. Dentre as espécies mais criadas está a jiboia. Contudo, caso você tenha se interessado pela jiboia como um animal de estimação peculiar e bem característico é preciso que você a compre de revendedores autorizados e que sigam as legislações ambientais vigentes. Isso porque, as jiboias, devido o seu alto valor de mercado acaba atraindo muitos traficantes de animais tanto para a posterior comercialização como animal de estimação quanto para o abate e utilização de sua pele que tem grande valor de mercado como couro de cobra. No Brasil para se adquirir uma jiboia respeitando as leis de proteção animal você vai desembolsar algo em torno de mil a até seis mil reais a depender da coloração da cobra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *