Home / Curiosidades / Curiosidades Sobre os Animais Invertebrados

Curiosidades Sobre os Animais Invertebrados

O reino Animal é usualmente definido como um grupo de representantes eucariotos, multicelulares e heterotróficos. No entanto, os diferentes grupos de animais possuem tantas características únicas e são tão diversos que se torna muito difícil rotular o grupo com meia dúzia de características em comum. Existem mais de um milhão de espécies animais viventes descritas, mas estima-se que mais de 100 milhões ainda não foram descobertas e, portanto, descritas. Dentre os Metazoa, existem espécies que possuem coluna vertebral, mas a maioria delas não possui. As espécies que possuem coluna vertebral derivada da notocorda constituem o subfilo Vertebrata, dentro do filo Chordata, que compreende menos de 5% de todas as espécies animais descritas. Aquelas que não possuem coluna vertebral são os invertebrados. Assim, de uma forma bem generalizada, denomina-se invertebrado todo animal multicelular que não possui e nem desenvolve uma coluna vertebral.

A Grande Diversidade dos Invertebrados

Os invertebrados constituem um grupo bastante diverso quanto ao tamanho e morfologia. São geralmente animais de corpo mole que não possuem um esqueleto interno rígido, como lesmas e medusas, mas, muitos grupos, como os insetos e crustáceos, possuem um tegumento externo duro e protetor denominado exoesqueleto. Os invertebrados variam em tamanho, de frações de um milímetro a mais de um metro de comprimento. Essa diversidade de tamanho permite que eles ocupem variados habitats, como desertos e florestas tropicais, bem como muitos micro habitats, invisíveis a olho nu.

Animais Invertebrados
Animais Invertebrados

Os invertebrados constituem o grupo animal mais diversificado e numeroso da Terra. Anualmente, cerca de 10000 a 13000 novas espécies são descobertas e descritas e a maioria delas pertence ao grupo dos invertebrados. A incrível matriz de invertebrados viventes é o resultado de bilhões de anos de evolução no planeta Terra. Os registros fósseis indicam que os primeiros metazoários surgiram no Proterozóico, cerca de 600 milhões de anos atrás, e constituíam um grupo de invertebrados. Além disso, os primeiros animais a conquistar o ambiente terrestre, segundo registros fósseis, também eram invertebrados pertencentes ao subfilo Myriapoda que atualmente inclui centopéias e seus parentes.

O sucesso dos invertebrados é o resultado da união entre várias características, como: a história evolutiva de linhagens modernas; a diversidade da vida ao longo do tempo; a abundância desse grupo em número de indivíduos; a rapidez com que se reproduzem; a diversidade trófica que apresentam, alimentando-se de plantas, animais e material orgânico em decomposição; a capacidade de sobreviver em ambientes extremos, incluindo habitats muito quentes e secos; e a capacidade de voar que muitos grupos possuem, em particular, os insetos.

Os Invertebrados Invadiram o Planeta

Além da ausência de coluna vertebral, os invertebrados têm pouco em comum, estando distribuídos entre mais de 35 filos. Assim, a diversidade desse grupo é tão grande que o uso de um único termo para definir o grupo perde significado biológico. A predominância dos invertebrados hoje é inquestionável, pois dos cerca de 15 a 30 milhões de espécies animais viventes no planeta, aproximadamente 90% são invertebrados. A maioria dessas espécies de invertebrados pertencem ao grupo dos artrópodes, sendo majoritariamente insetos, provavelmente o grupo de animais mais bem sucedido da Terra. No entanto, os registros fósseis nos contam que os artrópodes sempre foram peças-chave na biosfera, mesmo antes do surgimento dos insetos. O número total de espécies de invertebrados pode ser de 5, 10 ou mesmo 30 milhões, comparado a apenas 60000 vertebrados.

Onde Podemos Encontrar os Invertebrados e o Que Eles Comem?

Podemos encontrar invertebrados em qualquer lugar. Já foram registrados invertebrados vivendo nos limites superiores da atmosfera, nos mais secos desertos e nas copas das florestas úmidas. Considerando que os primeiros animais surgiram no ambiente marinho, alguns filos permaneceram exclusivamente marinhos e outros conquistaram os mais variados ambientes. Podem viver no ambiente marinho, incluindo todas as zonas desse habitat, desde a Antártida congelada ao leito oceânico em fossas abissais que atingem profundidades de até 11 mil metros, em áreas de estuários e pântanos costeiros, em habitats de água doce e nos mais variados ambientes terrestres.

Animais Invertebrados Curiosidades
Animais Invertebrados Curiosidades

Os invertebrados terrestes incluem os grupos dos insetos (Hexapoda), aranhas (Arachinida), centopeias e milípedes (Myriapoda), vermes (Platyhelminthes, Nematoda e Annelida), onicóforos (Onychophora), tatus-de-jardins (Isopoda), pulgas-da-areia (Amphipoda), e muitos deles têm membros que vivem nos habitats dulcícolas ou marinhos. Os invertebrados marinhos e dúlcicolas incluem representantes dos grupos de caracóis e lesmas (Mollusca), anêmonas, corais e medusas (Cnidaria), esponjas-do-mar (Porifera), e caranguejos, lagostas e camarões (Crustacea).

Considerando toda a diversidade morfológica, de tamanho e habitat, a alimentação dos invertebrados não poderia ser diferente e o grupo apresenta uma diversidade trófica absurda. Assim como existem animais vertebrados herbívoros, carnívoros e onívoros, a mesma diversidade de dietas é encontrada nos invertebrados. A grande heterogeneidade na dieta dos invertebrados inclui predação, filtração, fitofagia, polinifagia, fungivoria e saprofagia.

Importância dos Invertebrados

Os invertebrados são especialmente importantes para o homem, pois muitos são considerados pragas agrícolas, parasitas ou vetores na transmissão de doenças. Também são importantes como agentes de polinização, sendo fundamentais para a existência da diversidade de plantas atuais, além de constituírem fonte de alimento para os seres humanos e muitos outros animais, sendo elementos-chave nas cadeias alimentares que sustentam muitas outras espécies de vertebrados e invertebrados.

Animais Invertebrados Características
Animais Invertebrados Características

Além disso, os invertebrados são extremamente úteis para a ciência. Algumas espécies são utilizadas como modelos no estudo de genes e muito do conhecimento genético que existe hoje não seria possível se não fosse pela existência desses animais. A mosca comum da fruta (Drosophila melanogaster) e o pequeno verme nemátodo Caenorhabditis elegans, por exemplo, são amplamente utilizados por pesquisadores para decodificar os genes. O uso da Drosophila é e foi muito importante para a ciência, pois esse modelo foi utilizado por um pesquisador, Thomas Morgan, e seus estudos levaram à teoria de que os genes presentes no DNA eram carregados por cromossomos e transmitidos por gerações. Os estudos dos genes da Drosophila podem ser utilizados de maneira efetiva para os genes humanos e a espécie é essencial na genética moderna. O C. elegans possui um tamanho diminuto, é composto por poucas células e foi o primeiro organismo multicelular cuja carga genética foi completamente sequenciada.  Nesse projeto, foi possível descobrir que o verme possuía muitos genes homólogos a genes de seres humanos. Além disso, esse pequeno verme é um organismo muito utilizado em estudos de biologia do desenvolvimento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.