Home / Curiosidades / Como Classificar Animais Segundo Sua Alimentação?

Como Classificar Animais Segundo Sua Alimentação?

Sabemos que existem uma infinidade de tipos diferentes de animais, aqueles com asas ou sem asas, répteis, os marinhos, etc. Com tantas características diferentes e vivendo em diversos habitats, seria difícil identificá-los apenas por suas características físicas ou locais onde vivem, já que espécimes de diferentes tipos podem muito bem morarem no mesmo local.

Assim sendo, outras classificações foram inventadas para facilitar a identificação desses animais, como a sua alimentação, por exemplo. Da diversidade de espécies e também de sua alimentação é que surgiu a classificação de acordo com a dieta de uma série de indivíduos. Diante disso, existem 5 categorias: carnívoros, onívoros, herbívoros, detritívoros, insectívoros e  granívoros, e nós vamos conhecer essas categorias e os animais que fazem parte delas logo abaixo. 

Carnívoros 

Talvez a classificação mais famosa, os animais que fazem parte da classe carnívora são aqueles que possuem uma dieta a base de carne, ou seja, comem outros animais. Com vários tamanhos, formas e espécies, os indivíduos desse grupo são considerados bichos predadores. Entre as suas características, destaca-se um grande desenvolvimento no olfato e da audição, isso permite que eles consigam localizar suas presas mais facilmente. 

Eles também são dotados de garras e dentes afiados, que também lhes auxiliam na hora da caça e de ingerir a comida. Os animais desse grupo exercem função muito importante na cadeia alimentar, isso porque eles acabam exercendo uma espécie de trabalho de controle de população dos indivíduos que comem. Entre os espécimes que estão neste grupo podemos citar o leão, falcão, tigre, onça, tubarão e o crocodilo. 

Algumas outras características dos carnívoros 

  • Transpiram pela língua, por isso não possuem poros.
  • Detêm glândulas salivares pequenas, mas essas são bem desenvolvidas, facilitando a digestão da comida. 
  • Não tem dentes molares para triturar o alimento. 
  • Sua saliva é extremamente ácida, assim como sua sua urina. 
  • Não tem a enzima ptialina, aquela responsável pela sugestão de cereais. 
  • O estômago carrega grandes quantidades de ácido clorídrico, que realiza a digestão da carne.
  • Sua mandíbula normalmente é longa e voltada para frente. 

Onívoros 

Os animais da classe onívora se alimentam também de carne, assim como de vegetais. Eles são predadores, mas não é regra e estão aptos para realizarem o metabolismo de diferentes alimentos consumidos. Eles também são grandes dispensadores de sementes, o que contribui para o crescimento da flora, no geral. Essa dispersão acontece por meio das suas fezes, onde eliminam as sementes. Seu coco encontra condições adequadas no solo onde foi depositado e germinam, possibilitando, assim, o crescimento de uma nova planta. 

Um dos indivíduos mais conhecidos por ter essa habilidade é o lobo guará, que ajuda no crescimento populacional da Solanum Lycocarpum (lobeira). Fazem parte dessa classe: humanos, lobo guará, urso e o porco. 

Onívoros 
Onívoros

Herbívoros 

Os herbívoros são aqueles que possuem uma dieta predominantemente de vegetais, partes vivas das plantas e ervas. Algumas espécies desse grupo podem complementar sua alimentação consumindo carne, mas essa é uma situação casual e rara dentro dessa classe. 

Uma das maiores características dessa comunidade é que ela é composto de espécies pacíficas, e que podem se alimentam da mesma planta, o que não é nenhum problema para eles. Muitos participantes desse grupo são ruminantes, como as vacas, por exemplo. O que quer dizer que os alimentos saem do estômago e retornam para a boca para serem mastigadas mais uma vez. 

Os herbívoros também possuem dentes incisivos bem marcantes, principalmente entre os roedores. 

Ainda dentro desta classe existem os indivíduos que se alimentam de frutas, como os morcegos. Assim como animais que possuem uma alimentação à base de néctar de flores e plantas, como as borboletas e as abelhas.

Outras características dos herbívoros

  • A mandíbula é levemente alongada.
  • Não detém garras. 
  • Não possuem caninos pontiagudos. 
  • Os molares são achatados, com a função de triturar mais facilmente o alimento. 
  • Transpiram por meio de diversos poros. 
  • Tem salivas – alcalina – desenvolvida para auxiliar na digestão.
  • Tem um estômago dividido em 3 ou 4 compartimentos. 
  • Tem alta quantidade de ptialina em seu organismo. 

Detritívoros 

Detritívoros são espécies que se alimentam de material orgânico ou resto de vegetais e animais mortos. Os detritívoros também são conhecidos como Saprófitas e Necrofagos. Outra espécie que tem papel importante na natureza, pois eles ajudam na degradação da matéria orgânica, facilitando o trabalho das bactérias e  dos fungos. Entre eles podemos citar as minhocas, abutres, hienas, moscas em alguns moluscos.

Um erro que pode ser facilmente cometido é achar que animais desse grupo também são carnívoros, mas eles não entram nessa classificação porque não saem para caçar sua comida e também porque se alimentam de restos de vegetais e carnes mortas. 

Características dos detritívoros

  • Animais como o urubu chegam a consumir, inclusive, ossos. Se alimentam principalmente de porcos e vacas. 
  • Esses têm papel importante na natureza, já que depois de se alimentarem, devolvem o material e seus nutrientes para a natureza, permitindo que eles sejam reutilizados por outros indivíduos. 
Detritívoros 
Detritívoros

Granívoros 

Granívoros tem uma dieta baseada, principalmente, em sementes de grãos ou plantas. Fazem parte desse grupo aves, mamíferos e insetos, como as galinhas, papagaios e aranhas. As aves deste grupo possuem bico e patas desenvolvidas para ajudarem em sua alimentação. Ou seja, para agarrar e segurar sua comida. 

Esses animais gostam de consumir alpiste, nabo, milho, linhaça, aveia e girassol. 

Características dos granívoros

  • São compostos, principalmente, de animais vertebrados.
  • Uma ave carnívora pode optar por comer somente um tipo de semente. 
  • Aves com bicos pequenos e afiados preferem sementes menores. 
Granívoros 
Granívoros

Insetívoros 

E, por fim, vamos falar dos insectívoros. Os insectívoros, como o próprio nome já dá indícios, se alimenta de insetos. Os indivíduos desse grupo apresentam uma enorme necessidade de consumir proteína. Fazem parte desse grupo os sapos, aranhas, salamandras, tatus e tamanduás.  

Características dos insetívoros 

  • Geralmente são animais de pequeno ou médio porte. 
  • Seu metabolismo está preparado para digerir o corpo dos insetos com o intuito de aproveitar seus nutrientes.
  • São encontrados em lugares quentes e com grande presença de insetos. 
  • O tamanduá é o principal representante do grupo e provavelmente o que mais come, já que pode consumir num único dia 30 mil cupins. 

Apesar de compartilharem características físicas parecidas, sua alimentação pode ser bem diferente do seu parente. Gostou de saber mais sobre a dieta desses animais? Qual foi o seu prefiro? Venha nos contar nos comentários. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *