Home / Curiosidades / Como Acabar com Ácaros? Eles Transmitem Doenças?

Como Acabar com Ácaros? Eles Transmitem Doenças?

Por mais limpo que sejamos, algumas questões estão fora do nosso alcance, como é o caso da poeira, por exemplo. Vire e mexe temos que dar aquela passada de passo nas superfícies para tirar o acúmulo dessa sujeira. 

O mesmo vale para alguns animais microscópicos, como o ácaro. Eles são pequenos bichos que fazem parte da classe aracnídeos, a mesma das aranhas, é são encontrados com frequência dentro da casa ou escritórios de todo o mundo, sem exceção. Se você está se questionando se, neste momento, esses indivíduos estão próximos à você, a resposta é sim, não só estão, como se encontram em grande número. 

E onde eles ficam? Bom, em vários lugares, mas especialmente em travesseiros, tapetes, carpetes, almofadas, roupas de cama e, principalmente, colchões. Eles adoram esse objeto. E é por causa dele que muitas vezes você deita e começa a espirrar instantâneamente, isso porque eles são os maiores responsáveis em causar alergias respiratórias. 

E, para piorar, ele existe em grande número, com uma diversidade de espécies. Mas por que não o vemos? Porque a maioria detém apenas 0,75 milímetros de comprimento, sendo invisíveis a olho nu. 

Apesar de não podermos eliminá-las completamente, é possível diminuir sua população significamente neste items. 

 Ácaros
Ácaros 

Como eliminar ácaros 

Uma das formas mais eficientes de acabar com os ácaros é não deixar que a sua casa ou escritório se tornar um ambiente propício para sua moradia. Sendo assim, mantenha os locais sempre bem arejados e ventilados, nada de ficar com tudo fechado o dia todo. É preciso que a luz – sol – entre. A circulação do ar também é importante. Isso evitará que a região fique com umidade, o tipo de clima ideal para o bicho. 

É igualmente essencial fazer a troca regular dos lençóis. Quanto aos colchões, almofadas, travesseiros, etc, faça a aspiração dos objetos sempre que possível. O uso de capas protetoras ajuda. 

Outro fator relevante para evitar os ácaros são os filtros de ar condicionado. É necessário trocá-los quando apresentarem uma quantidade de sujeira. O mesmo vale para o ventilar, quando este fica com uma camada de poeira. Neste item, uma boa higienização já basta.  

Por fim, todos os objetos de cama e sofá que citamos acima devem ser colocados no sol. O calor diminui a umidade desses itens, deixando-os menos atraentes para as criaturas. 

Lembrando que isso não eliminará totalmente a praga, mas fará com que a multiplicação dos bichos diminua um pouco. 

Doenças causadas pelos ácaros 

E apesar de quase invisíveis, os ácaros podem causar alguns problemas para os seres humanos, como as alergias. Isso acontece porque eles são facilmente espalhados pelo ar, o que facilita sua propagação e nosso contato com ele. O bicho também pode causar reações na pele. 

Asma 

Entre as mazelas e, talvez, a mais preocupante está a asma. Esta causa alteração nas vias respiratórias, fazendo com que o ar não circule corretamente e a pessoa acaba respirando com dificuldade e tendo aspirações mais curtas. 

Rinite alérgica 

Essa alergia provoca inflamação na mucosa que reveste nosso nariz, que ocorre devido a presença do ácaro na região. Em decorrência disso, o paciente apresenta coriza, espirros frequentes e coceira no nariz. 

Dermatite atópica 

Popularmente chamada de sarna humana. Nesta, o alérgico apresenta manchas vermelhas na pele. Caso sofra com isso, fique atento, pois pode significar que você é alérgica ao ácaro. 

Do que se alimentam 

Como dito, por ter uma variedade de espécies, eles são encontrados em diversos lugares e itens, como colchões, travesseiros, tapetes, etc, como já citado aqui. E eles se encontram neste locais pois é justamente neles que estão a sua comida preferida: restos de pele humana morta. É disso que o ácaro se alimenta, das nossas células que morreram e que se soltaram de nossos corpos, ficando presas nesses acessórios de cama. 

E não é somente o ácaro em si que causa alergia. Na verdade, o maior responsável são os excrementos gerados por esse animal. Assim como o corpo daqueles que já morreram, já que a espécie tem uma expectativa de vida bem curta. Ambos constituem a poeira doméstica. Por isso a importância de sempre deixar sua casa aberta, possibilitando a circulação de ar e a entrada da luz do sol. 

Ácaros
Ácaros

Sobre os ácaros 

Como dito, os ácaros são animais invisíveis a olho. Eles pertencem a subclasse Acari, está palavra deriva do grego akares, que significa pequeno. A média de comprimento é de 0,25 a 0,75 milímetros, mas algumas espécies podem ser ainda menores que isso. O ácaro doméstico é um dos menores, tendo apenas de 200 a 500 micrômetros. 

Para se ter ideia, da sua família o membro com mais estatura é o carrapato, com 3 centímetros de envergadura, mas isso só após ingerir sangue, como acontece com o carrapato-estrela, vetor da bactéria que causa a febre amarela. 

O grupo dos ácaros apresentem cerca de 55 mil espécimes, com 5.500 gêneros e 1.200 subgêneros, o que representa 540 famílias. Mas muitos cientistas acreditam que esse número é muito maior. Eles crêem que, na verdade, a quantidade desses bichos varia de 500 mil a 1 milhão de indivíduos. Isso porque novas espécies são constantemente descobertas, inclusive em substratos que já foram estudados anteriormente. 

Habitat 

Devido a sua grande capacidade de adaptação, desenvolvimento evolutivo e o seu pequeno tamanho, ele conquistou diversos ambientes, aquáticos e terrestres. O que faz ele ser o animal que ocupa o maior número de habitat dentro do grupo dos artrópodes. 

Eles estão em zooplactons, algas, na grama, solos agrícolas e até no húmus, uma camada que cobre as florestas. O bicho também é migratório, pois é facilmente carregado pelo ar. 

Características físicas 

Seu corpo se divide em duas regiões principais: gnatossoma, que seria a cabeça, e o idiossoma, composto pelo tórax e o abdômen. 

Todos têm quatro pares de pernas na fase adulta e três na larval, menos as espécies prostigmata e astigmatina. Estas são usadas tanto para andar, escalar e, em alguns casos, para natação. Aliás, é por isso que é tão difícil tirá-lo dos tapetes, por exemplo. 

Gostou? Não esqueça de compartilhar. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *