Home / Curiosidades / Aranha Viúva Negra É Venenosa? É Perigosa Para Os Humanos?

Aranha Viúva Negra É Venenosa? É Perigosa Para Os Humanos?

Mesmo para os leigos a aranha viúva negra é uma espécie muito conhecida principalmente pelo fato de dar literalmente um fim ao seu companheiro após o acasalamento. Mas você saberia dizer se ela é venenosa para nós seres humanos? Ela é perigosa? Hoje vamos conhecer um pouco mais sobre este conhecido aracnídeo.

A Famosa Viúva Negra

Assim como acontece com outras espécies de animais, o conceito, viúva negra é utilizado de maneira genérica para denominar as espécies de aranhas da família Theridiidae. Além de viúva negra também recebem o nome de aranhas negras. O nome científico, entretanto, está bem distante disso, sendo Latrodectus. Ao todo estão catalogadas trinta e duas espécies diferentes nesta família.

O conceito, viúva negra faz jus a um comportamento da maioria destas espécies que possuem o canibalismo como  marca registrada, por assim dizer. Após a cópula a fêmea devoraria o macho pura e simplesmente.

Embora a expressão viúva negra seja um termo que não diz respeito apenas a uma única espécie, estas diferentes espécies apresentam características comuns que desta forma justifica a utilização de apenas uma expressão para defini-las. A partir de agora você conhecerá um pouco mais sobre estes aracnídeos e o mais importante, se são ou não perigosas para nós seres humanos.

Aranha Viúva Negra
Aranha Viúva Negra

Viúva Negra: Casos Envolvendo Seres Humanos

Os acidentes envolvendo picadas de aranhas negras em seres humanos não costumam apresentar grandes complicações devido a administração dos antigenos. Cerca de setenta e cinco por cento dos acidentes desta natureza não apresentam grandes problemas visto que a inoculação de veneno é baixa.

Quando a inoculação de veneno é elevada, cerca de quinze a trinta minutos depois o local passa a irradiar uma sensação de dor persistente com muito suor. Após uma hora da picada os sintomas se diversificam entre tremores, rigidez e câimbras sistêmicas no local. Outros sintomas também podem ser identificados como febre, sede, náuseas, excitação psicomotora, hipertensão e arritmia cardíaca.

O tratamento é feito de modo a bloquear a difusão do veneno e com a administração de gluconato de cálcio com o objetivo de diminuir as dores. Ansiolíticos, relaxantes musculares e analgésicos podem ser igualmente utilizados para conter sintomas adversos não relatados.

Após a ocorrência da picada, os sintomas tendem a desaparecer completamente com até seis dias.

Não são agressivas e os acidentes, ocasionados unicamente pelas fêmeas, acontecem pela compressão de seus corpos contra um região do nosso corpo. As picadas envolvendo-as são chamados de latrodectismo.

Características Física Das Viúvas Negras E Outras Informações

São animais de pequeno porte que constroem teias irregulares em seus habitas. Por incrível que pareça são animais de comportamento sedentário e dificilmente mudam de local onde se encontram instaladas. E por falar em habitat as aranhas destas espécies são encontradas sempre em esconderijos, jardins, corrimãos, em baixo de outras superfícies diversas, em gramados, mesas e correlatos.

São de pequeno porte, podendo chegar a um centímetro de comprimento e três de envergadura. Os machos caracteristicamente são menores que as fêmeas.

Além do nome muito conhecido, as viúvas negras são facilmente identificadas quando encontradas, isso porque possuem a coloração negra e em seu abdomen há uma mancha avermelhada no formato de uma ampulheta, sendo muito característico da espécie.

Por falarmos em macho e fêmea, as viúvas negras recebem este nome porque justamente após a cópula, a fêmea seria responsável por eliminar o macho devorando-o ferozmente. Após o ato sexual, as fêmeas colocam as suas centenas de ovos em um casulo de sua construção.

As Aranhas Estão Em Todo O Planeta

As aranhas como um todo são animais artrópodes e segundo registros atualmente há cerca de trinta e seis mil espécies diferentes em todo o mundo exceto no Ártico e Antártico. Apesar disso, e com sua vasta densidade geográfica podem ser encontradas vivendo também sobre o ambiente terrestre e o aquático.

Como artrópodes as aranhas são animais que apresentam características como corpo segmentado, membros responsáveis pela locomoção (como patas, por exemplo) em número par e possuem a presença do exoesqueleto.

Apesar de causar medo a maioria das pessoas, nem todas as aranhas são venenosas e algumas delas podem inclusive serem criadas de maneira doméstica como animais de estimação. Outras por sua vez possuem um veneno altamente tóxico que pode ser prejudicial para nós seres humanos. É o caso da aranha armadeira, por exemplo, que é nativa da América do Sul e pode ser encontrada em nosso país. A sua picada além de dolorosa inocula um veneno neorologicamente muito ativo capaz de levar a paralisia muscular. Para que picadas desta espécie ocorram é necessário que a aranha seja pressionada fortemente em uma superfície.

Apesar de colocarmos que as picadas de viúvas negras não são perigosas para nós, é preciso destacar que, de acordo com levantamentos históricos, antes da elaboração do antígeno, aproximadamente cerca de cinco por cento das picadas resultavam em morte. Dentro de um período de tempo muito curto (por volta de oito anos) foram registrados nos Estados Unidos sessenta e três mortes por picada de aranhas negras. No caso do Brasil a maior incidência de acidentes envolvendo a espécie acontece no Nordeste do país.

A Reprodução Da Viúva Negra Em Detalhes

Antes de falarmos diretamente sobre a reprodução da viúva negra, vamos conhecer como a estruturação do seu corpo funciona para que a cópula ocorra. As aranhas da espécie possuem uma abertura ventral no abdomen que corresponde a entrada para seus órgãos reprodutores, no caso da fêmea há duas entradas para o recebimento do êmbolo (denominação dada ao órgão reprodutor do macho).

Durante o período reprodutivo o macho tece a sua teia e deposita nela um pouco de sêmen. Desta forma os machos estão prontos a procurar a fêmea para acasalarem. Por meio de vibrações de sua teia, em um tipo de dança do acasalamento, as fêmeas identificam o macho e copulam. Após o processo de cópula a fertilização vem por meio da postura dos ovos. Os ovos são colocados pelas fêmeas e ficam em suas teias em um tipo de bolsa de seda, até que os filhotes estejam prontos para virem ao mundo. O número de ovos colocados varia bastante, mas a reprodução sempre é bem farta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *