Home / Curiosidades / 15 Animais Mais Feios do Mundo

15 Animais Mais Feios do Mundo

Quando falamos em animais acabamos, por consequência, pensando em seres fofinhos, peludos, naqueles que nos atraem fisicamente. Por exemplo, dizendo isso aposto que você deve ter pensando num cachorro, gato, num panda, Coala, entre outros que possuem uma aparência física atraente. Mas, a fauna não é composta apenas de espécies bonitas, existem aqueles que, infelizmente, ou não, não foram abençoados com a beleza. Abaixo vamos saber quem eles são e conhecer mais sobre esses indivíduos. 

1 – Peixe-gota 

Peixe-gota
Peixe-gota

Psyrolutes marciais é uma espécie de peixe que se encontra em extinção. Sua face lembra um rosto humano, com bochechas flácidas e um certo ar de amargura. E, provavelmente, por este motivo, foi eleito o animal mais feio do mundo. Corre risco de sumir devido a desenfreada pesca por meio de arrasto. 

Ele vive nas profundezas do Oceano Pacífico, entre 600 a 1200 metros de profundidade. 

2 – Rato-toupeira-pelado 

Rato-toupeira-pelado
Rato-toupeira-pelado

Apenas de olhar para esse bicho já dá uma certa agonia, ele parece um tipo de verme gordo e sem nenhum pelo no corpo. O Heterocephalus glaber é um rato que habita regiões da Somália, leste e norte do Quênia, e a parte central da Etiópia. Passa a maior parte da sua vida embaixo da terra, nas tocas que constrói com seus dentes salientes e grandes. Alguns estudos indicam que os ratos vivem muito mais tempo que outros roedores e tem certa resistência a doenças como o câncer. 

3 – Rã do Titicaca

Rã do Titicaca
Rã do Titicaca

Esse anfíbio reside no lago do Titicaca, localizado nas montanhas dos Andes. Tem dobras grandes em sua pele que funcionam como brânquias quando está na água. Também corre o risco de desaparecer devido a destruição do seu habitat natural, causado pela poluição, mudanças climáticas – temperatura – e a introdução de espécies exóticas. 

4 – Salamandra Axolotl 

Salamandra Axolotl
Salamandra Axolotl

Apesar de estar na lista, particularmente achei a Salamandra Axolotl fofinha. Seu nome vem do asteca e significa monstro aquático. Ele não passa pelo desenvolvimento em forma de larva, o que acaba não lhe dando características terrestres e, por este motivo, vive apenas no ambiente aquático. 

5 – Lêmure Aye-aye

Lêmure Aye-aye
Lêmure Aye-aye

Morador de Madagascar, o Lêmure Aye-aye está nesta lista por ter pelos, não por todo o corpo, em tom preto e olhos – amarelos – esbugalhados. Aliás, este tem uma ótima visão. Tem hábitos noturnos e um dedo maior que os outros, que é usado para capturar larvas nos buracos das árvores, sua comida preferida. 

6 – Toupeira nariz-de-estrela 

Toupeira nariz-de-estrela
Toupeira nariz-de-estrela

Este indivíduo ganha no quesito aparência estranha, para dizer o mínimo. Seu nariz é coberto por apêndices, que lembram tentáculos. Apesar de isso proporcionar um visual não muito atraente, isto o torna um exímio detector de comida por meio do olfato. Ele consegue dizer se um objeto encontrado é comestível num espaço de tempo de 8 milissegundos. Seu focinho também ajuda a lhe guiar por túneis escuros, já que a toupeira é cega. 

7 – Macaco narigudo 

Macaco narigudo
Macaco narigudo

Como o próprio nome sugere, este animal é identificado, de longe, por seu nariz em tamanho anormal. O Nasalis larvatus reside na ilha do Bornéu. Segundo as histórias criadas pelos habitantes da região, ele foi enviado para iluminar os caminhos dos seres humanos, por meio de demonstração de amor ao seu semelhante e iluminação espiritual. Olha, estamos mesmo precisando, viu, macaco narigudo. 

8 – Tartaruga focinho-de-porco

Tartaruga focinho-de-porco
Tartaruga focinho-de-porco

Ok, este nem é o pior da lista. Ela é até simpática, na verdade. É encontrada em rios e lagos da Nova Guiné e da Austrália. E leva esse nome porque seu focinho se assemelha muito a de um porco. Mede em torno de 70 centímetros de comprimento e chega até os 20 quilos. Uma característica forte do animal é sua carapaça flexível e mole, além de patas em forma de nadadeiras. 

9 – Kakapos 

Kakapos
Kakapos

Originário da Nova Zelândia, o Kakapo é um papagaio que não pode voar, por este motivo, precisa escalar as árvores, local onde costuma ficar. É um indivíduo noturno e pesa até 3.5 quilos. Também corre risco de extinção e, atualmente, existe apenas 100 deles, no mundo. 

10 – Cegonha bico-de-sapato 

Cegonha bico-de-sapato
Cegonha bico-de-sapato

Com cara de poucos amigos, a cegonha bico-de-sapato é do tipo solitário, se juntando com outros de sua espécie apenas durante o acasalamento ou quando a disponibilidade de comida é pouca. Vive nos pântanos tropicais da África. 

11 – Barata d’água

Barata d'água
Barata d’água

Declaro que a barata d’água ganhou o prêmio de animal mais feio da lista. Bom, feio não sei, mas o mais nojento, com certeza. É carnívora, caçando peixes anfíbios e crustáceos. Além disso, também gosta de dedão-do-pé dos humanos que se aproxima dele, dando uma dolorosa mordida em sua vítima. Aliás, ele é dono da dentada mais dolorido entre os insetos. 

Os machos carregam os ovos nas costas. 

12 – Morcego-lanudo 

Morcego-lanudo
Morcego-lanudo

O morcego-lanudo constrói sua toca em troncos de árvores mortas ou em pilhas de folhas. É nativo da Ásia e da China, vivendo nas florestas. 

13 – Peixes machadinha 

Peixes machadinha
Peixes machadinha

Ele é encontrado nas profundezas do oceano, habitando principalmente águas subtropicais e tropicais de todo o mundo. Se alimenta de animais menores que também vivem nestas regiões, como crustáceos copépodes. Apesar da sua aparência chamar atenção, seu tamanho também acaba atraindo olhares, isso porque ele é super pequeno, com apenas 12 centímetros de comprimento. E mesmo com um rosto não muito agradável, é um indivíduo inofensivo. 

14 – Lagartixa-satânica-de-cauda-de-folha 

Lagartixa-satânica-de-cauda-de-folha
Lagartixa-satânica-de-cauda-de-folha

Podemos dizer que o satânico em seu nome combina bem com a aparência desta espécie. Tem olhos tão esbugalhados que parece uma tipo de besta mesmo. Isso, em conjunto com sua boca enorme e um “sorriso” exagerado dá uma fisionomia um tanto quanto diferente. A lagartixa corre risco de extinção devido a destruição das florestas tropicais do seu habitat natural, Madagascar. 

15 – Macaco de nariz achatado 

Macaco de nariz achatado
Macaco de nariz achatado

Mais uma vez em nossa lista, mas agora com a espécie de nariz achatado. Esse macaco parece um demônio saído diretamente do filme Constantine, principalmente quando está com os dentes à mostra. Habita regiões da China e Vietnã, morando em florestas montanhosas destas regiões. Está entre os poucos primatas que consegue se adaptar o frio. Corre o risco de sumir devido ao desaparecimento do seu habitat. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *