Home / Informações / Panda-Gigante

Panda-Gigante

O urso panda é um animal que fascina a muitos por causa de sua pelagem preto e branca característica, associado às expressões faciais que remetem a um urso de pelúcia. Diferentemente das demais espécies de ursos, o urso panda é considerado um animal herbívoro, que pode passar o dia inteiro comendo cascas de bambus, sentado nos galhos das árvores, ou dormindo.

No entanto, engana-se que acha que o panda é sempre dócil. Em ambiente silvestre, principalmente quando estamos falando em panda-gigante, aproximar-se deste animal pode ser um grande erro. A agressão por uso panda pode gerar ferimentos graves, causados em decorrência da grande força nos músculos da mandíbula, necessária para a maceração do bambu.

No entanto, pandas criados em cativeiro, quase sempre, são mais amigáveis.

O panda-gigante (Ailuropoda melanoleuca) é uma espécie bastante curiosa da fauna mundial, pois acredita-se que tenha se originado a 100.000 anos atrás e convivido com os grandes mamutes.

O panda-gigante é considerado o símbolo nacional da China, também foi adotado como slogan de uma organização internacional de proteção à vida animal, desde o ano de 1961. Essa organização é a WWF (World Wildlife Fund).

Existem muitas leis chinesas de proteção à espécie, em decorrência disso, o panda-gigante é raramente encontrado nos zoológicos. A criação de pandas e pandas-gigantes em cativeiro interfere principalmente no padrão reprodutivo, prejudicando o acasalamento. O panda-gigante é citado pela IUCN Red List como uma espécie ameaçada de extinção.

Neste artigo, você conhecerá outras características importantes e relevantes sobre esta fantástica espécie.

Então, venha conosco e boa leitura.

Panda-Gigante: Características

O panda-gigante atinge 1,50 metros de altura e até 90 quilos.

O corpo, mesmo robusto, é extremamente flexível, permitindo movimento e curvatura em várias direções. Incrivelmente, o panda-gigante consegue plantar bananeira, caminhando de cabeça para baixo com o apoio das mãos.

Os pêlos do panda adulto podem atingir até 5 centímetros de comprimento e, embora aparentem, não são macios, sua textura é dura e grossa. A coloração preta e branca dos pêlos também se estende á pele situada abaixo deles, no entanto, nas áreas de pêlo branco, a coloração da pele é rosada.Panda Gigante - Características

As patas dianteiras e traseiras possuem cinco dedos cada, além de unhas longas e pontudas. As patas dianteiras são mais fortes, em decorrência da estrutura óssea ser mais robusta na porção frontal. Como as patas traseiras não possuem a mesma força, os pandas são lentos para movimentar-se; no entanto são bastante ágeis na escalada de árvores.

A dentição de um panda adulto é formada por 42 dentes.  Assim como nos seres humanos, há dentes de leite e permanentes. Para exercer a tarefa de triturar bambus, a mandíbula é músculos e ossos de grande força, e os seus dentes molares são altamente desenvolvidos, chegando a ser até mesmo 7 vezes maiores do que os dentes molares humanos.

Panda-Gigante: Taxonomia

O panda-gigante pertence ao Reino Animalia, Filo Chordata, Classe Mammalia, Ordem Carnivora, Família Ursidae, Gênero Ailuropoda e espécie Ailuropoda melanoleuca.

O termo binomial Ailuropoda melanoleuca foi utilizado pela primeira vez no ano de 1869 pelo jesuíta francês Armand David. Armand também foi o responsável por tornar esta espécie conhecida no mundo ocidental.

A espécie Ailuropoda melanoleuca compreende duas subespécies, são elas Ailuropoda melanoleuca melanoleuca e Ailuropoda melanoleuca quinlingensis.

Existiam outras espécies de pandas-gigantes, mas elas já foram extintas nos períodos do Plioceno e Pleitosceno.  Essas espécies ancestrais correspondem ao Ailuropoda microta, Ailuropoda wulingshanensis e Ailuropoda baconi.

Panda-Gigante: Hábitat e Localização Geográfica

Os pandas, de forma geral, podem ser encontrados nos planaltos e áreas montanhosas da China, regiões consideradas de clima frio, e com altitude compreendida entre 2.000 e 4.000 metros. Essas áreas de grande altitude também possuem grande quantidade de bambuzais.

No entanto, o panda-gigante, mais especificamente, está restrito à área centro-sul da China, particularmente em seis áreas montanhosas consideradas isoladas. Os nomes dessas áreas são Xiaoxiangling, Minshan, Qinling, Daxiangling, Qionglai e Liangshan.

Panda-Gigante Brincando na Grama
Panda-Gigante Brincando na Grama

Essas áreas pertencem às províncias de Gansu, Shaanxi e Sichuan. A província de Gansu está associada à história da construção da Grande Muralha da China, rota da seda e luta contra os povos bárbaros.

Ao todo, o território que o panda-gigante ocupa corresponda a 30.000 Km².

Panda-Gigante: Hábitos Alimentares

Mesmo sendo animais de hábitos herbívoros, a história evolutiva e o sistema digestivo o classificam como um animal teoricamente carnívoro. Acredita-se que o hábito de ingerir bambus foi adotado ao longo da evolução como uma estratégia de sobrevivência e adaptação.

Há centenas de espécies de bambus existentes atualmente, no entanto, apenas 20 delas constituem a fonte alimentar do panda-gigante. Entre as 20 espécies ingeridas, 5 são escolhidas como as favoritas.

Quando há abundância de bambus, este vegetal se torna o único elemento da dieta, no entanto, em situações de escassez, o panda recorre a recursos alternativos. Esses recursos são tubérculos, raízes, frutos e folhas. Em algumas situações, pequenos animais mamíferos também podem ser ingeridos, como é o caso de ratos que possam subir em alguma árvore na qual o panda esteja.

Acredita-se que, durante um ano, um panda-gigante adulto possa consumir até 4 toneladas de bambu.

No ambiente silvestre, os pandas podem passar até 16 horas por dia se alimentando.

Panda-Gigante: Padrões Sexuais e Reprodutivos

O período de acasalamento dos pandas é durante a primavera chinesa.

A gestação da fêmea dura 135 dias. Cada gestação pode originar duas crias, no entanto, o intervalo entre uma gestação e outra é aproximadamente de 2 anos, e nem todos os dois filhotes sobrevivem, às vezes apenas um. O peso médio dos filhotes, ao nascer, é de 100 a 150 gramas. Após o nascimento, o desenvolvimento do filhote é finalizado em uma bolsa abdominal materna (semelhante a como acontece com os cangurus). Nesta bolsa abdominal, eles serão amamentados até chegar a época do desmame, com 1 ano de idade.

*

Agora, que você já conhece um pouco mais sobre o panda-gigante, continue aqui no site conosco e visite outros artigos.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

BBC News. Giant pandas rebound off endangered list. Disponível em: < https://www.bbc.com/news/world-asia-china-37272718>;

MELDAU, D. C. Infoescola. Panda-gigante. Disponível em: < https://www.infoescola.com/mamiferos/panda-gigante/>;

NICHOLLS, H. BBC Earth. Na natureza, panda desafia fama de ‘casto e bonzinho’. Disponível em: < https://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/03/150319_vert_earth_panda_ml>;

The IUCN Red List. Ailuropoda melanoleuca. Disponível em: < http://oldredlist.iucnredlist.org/details/712/0>;

WWF. Giant Panda. Disponível em: < https://www.worldwildlife.org/species/giant-panda>.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *