Home / Informações / Alimentação do Quati

Alimentação do Quati

Reino: Animalia

Filo: Chordata

Classe: Mammalia

Ordem: Carnivora

Família: Procyonidae

Gênero: Nasua

Espécie: Nasua nasua

Os quatis distribuem-se por grande parte das Américas, partindo do estado do Arizona (EUA) até o norte da Argentina. Esse animal é parente próximo dos guaxinins; porém, os quatis possuem um nariz mais comprido e o corpo mais alongado.

Hoje você vai descobrir um pouco mais sobre os hábitos alimentares dos quatis e outras curiosidades sobre esse simpático mamífero. Confira!

Alimentação do Quati

Os quatis são considerados onívoros. A dieta deles inclui insetos, folhas, ovos, frutos, insetos e pequenos vertebrados. Em época de grande escassez de frutas, eles podem apresentar hábitos carnívoros.

As fêmeas e os filhotes saem durante o dia para se alimentar, enquanto os machos fazem isso à noite.

Em unidades de conservação, os quatis geralmente são atraídos por restos de comida deixados por visitantes. Nas áreas mais urbanizadas, esses animais podem até se alimentar de lixo.

De acordo com um estudo realizado no Parque Ecológico do Tietê (PET), em São Paulo, 96.6% das amostras de fezes dos quatis que habitam esse Parque continham frutos, 31.6% continham restos de alimentos fornecidos por visitantes e 15% continham de insetos e outros invertebrados. Com esses e outros dados levantados nesse estudo, é possível confirmar a natureza oportunística dos quatis no que diz respeito aos seus hábitos alimentares.

Os quatis exercem também papel importantíssimo no equilíbrio ecológico como dispersores de sementes. Isso porque, ao defecarem, eles eliminam as sementes intactas e contribuem para a conservação de toda a vegetação que faz parte da sua dieta.

32 Fatos Curiosos Sobre o Quati

1 – Há três espécies de quatis: Nasua nasua, Nasua narica e Nasua nelsoni.

Quati (Nasua nasua)
Quati (Nasua nasua)

2- Geralmente, a coloração de animal é cinza-amarelada, mas as tonalidade podem variar de acordo com a espécie. Há indivíduos que são praticamente pretos e outros e que são bem avermelhados.

Quati Avermelhado
Quati Avermelhado

3 – A pelagem é densa e longa.

4 – As patas dos quatis se assemelham às patas dos ursos, dadas as devidas proporções. Essa característica é bastante útil para as subidas nas árvores.

5 – Os quatis adultos podem medir de 40 a 70 centímetros de comprimento, sem contar a cauda que mede de 40 a 60 centímetros.

6 – Esse mamífero mede também cerca de 30 centímetros de altura e pode pesar de 3 a 10 kg.

7 – Um quati macho chega a ter duas vezes o tamanho de uma fêmea.

8 – Outras características típicas do quati são as orelhas pequenas e arredondadas, a cabeça triangular, o focinho comprido, as patas anteriores mais curtas que as posteriores e a cauda longa com vários anéis escuros.

9 – A língua dos quatis apresenta aspecto aveludado e coloração rósea, sendo mais sendo mais larga na raiz e estreitando-se até a ponta.

10 – O comprimento da língua dos quatis é de aproximadamente 8 centímetros. A largura é de três centímetros na raiz e de 1,5 centímetros na ponta.

Língua do Quati
Língua do Quati

11 – A cavidade oral do quati possui 40 dentes.

12 – Os incisivos capturam os alimentos; os caninos perfuram os alimentos; os pré-molares e molares trituram e cortam os alimentos.

13 – Os dentes caninos do quati são grandes e muitas vezes utilizados como mecanismo de defesa e de disputa por território.

Dentes do Quati
Dentes do Quati

14 – Uma das diferenças entre machos e fêmeas é o tamanho e formatos dos dentes caninos inferiores e superiores. No macho, esses dentes são maiores e mais pontudos.

15 – Todos os dentes dos quatis possuem esmalte, pré-dentina, dentina, cavidade pulpar, polpa e periodonto.

16 – A partir dos dois anos de idade, os machos os machos passam a viver sozinhos.

Bebê Quati
Bebê Quati

17 – Os machos juntam-se ao bando (de 4 a 20 indivíduos) somente na época do acasalamento, que acontece entre outubro e fevereiro.

18 – Um macho adulto pode até ser aceito em um grupo de fêmeas. Porém, ele precisará ser totalmente subordinado a elas.

19 – Cada fêmea constrói o seu próprio ninho.

Ninho de Quati
Ninho de Quati

20 – As fêmeas parem até seis filhotes em um ninho construído no tronco de uma árvore.

21 – O tempo de gestação é de 10 a 11 semanas.

22 – Cada filhote nasce pesando de 100 a 110 gramas.

23 – Os filhotes de quati saem do ninho a partir da quinta semana de vida.

https://www.youtube.com/watch?v=stlmldr5t6o

24 – O quati se adapta muito bem à criação em cativeiro.

25 – Para dormir, os quatis gostam de se enrolar como uma bola no topo das árvores.

26 – Quando os quatis percebem que estão sendo perseguidos por algum predador, eles rapidamente se escondem no alto das árvores.

Quati se Escondendo na Árvore
Quati se Escondendo na Árvore

27 – Em dias muito quentes, os quatis gostam de cochilar com o focinho “escondido” na barriga.

28 – Nas fazendas, os quatis podem atacar galinheiros e plantações.

29 – Os quatis podem percorrer cerca de 1,5 a 2 quilômetros por dia em busca de alimentos.

30 – Por ter uma distribuição geográfica bastante ampla e em áreas de preservação natural, os quatis recebem status de “menos preocupante” pela União Internacional para Conservação da Natureza (UICN).

31 – Os quatis ocorrem em qualquer tipo de vegetação de floresta tropical.

32 – Em cativeiro, sua expectativa de vida é de aproximadamente 15 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *